Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/9904
Título: O uso da Bíblia na teologia fundamental: método e interpretação
Autor: Rubens, Pedro
Data: 2009
Editora: Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa
Citação: RUBENS, Pedro - O uso da Bíblia na teologia fundamental : método e interpretação. Didaskalia. Lisboa. ISSN 0253-1674. 39:2 (2009) 37-50
Resumo: A teologia fundamental deve estar sempre de prontidão para “dar razões de nossa esperança” (1 Pd 3,15) diante de cada situação nova que se apresenta à fé cristã. Segundo sua dupla função, busca reinterpretar a fé em novos contextos históricos e, ao mesmo tempo, fundar seu discurso na revelação contida nas Escrituras. O autor levanta a questão do ponto de partida em teologia, diante do contexto atual de sociedades pós-cristãs, embora marcadas pelo ressurgimento religioso. Em seguida, trata da concepção cristã da experiência religiosa, na perspectiva do “fim” da religião. Finalmente, na busca do “lugar teológico” das Escrituras, percorre dois caminhos: a proposta metodológica da teologia da cultura (Paul Tillich), terceira via no confronto “secularismo” e “biblicismo”; e o método das teologias latino-americanas da libertação, com o problema do uso das mediações socioanalíticas (Clodovis Boff ). Ora, inerente aos problemas de método, ressurge a questão fundamental do estatuto interpretativo da teologia e da própria fé cristã.
Fundamental theology should always be prepared to ‘provide the reason for our hope’ (1 P 3,15) in the face of each new situation that presents itself to the Christian faith. In accordance with its double function, it aims to reinterpret the faith in new historical contexts and, at the same time, found its discourse on the continuous revelation of the Scriptures. The author raises the question of the point of departure in theology, in the face of the present-day context of post-Christian societies, though marked by religious revival. It continues by dealing with the Christian conception of religious experience, from the perspective of the ‘end’ of religion. Finally, in its search for the ‘theological place’ of the Scriptures, if follows two paths: the methodological proposal of the theology of culture (Paul Tillich), the third way in the confrontation ‘secularism’ and ‘biblicism’; and the method of the Latin-American liberation theologies, with the problem of the use of socio-analytical mediations (Clodovis Boff ). Inherent to the problems of method, arises the fundamental question of the interpretative status of theology and of the Christian faith itself.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/9904
ISSN: 0253-1674
Aparece nas colecções:RD - 2009 - Vol. 039 - Fasc. 2

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
V03902-037-050.pdf223,22 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.