Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/9735
Título: Riders for health : healthcare delivery solution in Lesotho : the need for reliable transport in African Health Systems
Autor: Botelho, Simão Silveira
Orientador: Pinheiro, Susana Frazão
Data de Defesa: 22-Mar-2012
Resumo: The present dissertation, written in the form of a case study, aims to present Riders for Health, a British social enterprise whose mission is to create and manage transport systems in rural Africa. In December 2011, Riders for Health (Riders), was operating in seven African countries - the Gambia, Zimbabwe, Nigeria, Kenya, Zambia, Tanzania and Lesotho - employing more than 300 Africans, managing more than 1.600 vehicles and providing better access to healthcare services for up to 12 million Africans. We chose Riders' Lesotho programme to present an overview of the enterprise's innovative and sustainable business model. In the following pages we introduce the dissertation outline, then we provide the reader with an overview of the main literature about the development state of the African continent, health determinants, foreign aid effectiveness and social entrepreneurship. Afterwards, the case study focuses on Riders as a social enterprise, providing an overview of its general operations and business model. The country profile of Lesotho is also addressed in order to better understand Riders' approach which is extensively presented along the financing of its programme. Later, Riders' goals for 2015 are outlined and the case study finishes with a wrap-up of Riders' main drivers of success. Finally we provide teaching notes for in-class discussion about the case study, and conclude with final remarks and future research guidelines.
A presente dissertação, escrita sob a forma de um caso-de-estudo, tem como principal objectivo apresentar os Riders for Health, uma empresa social Britânica, cuja missão é criar e gerir infraestruturas de transporte para a África rural. Em Dezembro de 2011, os Riders for Health (Riders) tinham operações em sete países Africanos - a Gâmbia, Zimbabué, Nigéria, Quénia, Zâmbia, Tanzânia e o Lesoto - empregando mais de 300 Africanos, gerindo mais de 1.600 veículos e alcançando mais de 12 millhões de Africanos. Escolhemos o programa dos Riders no Lesoto para apresentar uma visão geral acerca da sustentabilidade e inovação do modelo de negócio desta empresa. Nas páginas que se seguem, apresentamos o esquema da dissertação, em seguida oferecemos ao leitor uma revisão sobre a literatura mais importante relativa ao desenvolvimento do continente Africano, bem como os condicionantes da prestação de cuidados de saúde, a eficácia da ajuda externa e a importância do empreendedorismo social. Seguidamente, o caso-de-estudo apresenta os Riders como um empresa social focando-se nas operações da empresa e no seu modelo de negócio. O perfil do Lesoto é apresentado para melhor compreendermos a abordagem dos Riders, a qual é extensivamente apresentada conjuntamente com o financiamento dos programas. Adiante, são traçados os objectivos dos Riders para 2015 e o caso termina com uma breve conclusão sobre os factores que conduziram ao seu sucesso. Finalmente, oferecemos algumas notas explicativas para a discussão do caso, apresentamos as nossas observações finais e clarificamos as nossas directrizes para futuras pesquisas.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/9735
Aparece nas colecções:R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
FCEE - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Riders for Health - Healthcare Delivery Solution in Lesotho.pdf2,44 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.