Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/9077
Título: Os níveis de stress dos alunos de licenciatura, da UCP – Viseu
Autor: Pereira, Paulo Almeida
Costa, Bruno
Lopes, Fábio
Neves, Mauro
Palavras-chave: Stress
Coping
Ensino superior
Higher education
Data: 2008
Editora: Universidade Católica Portuguesa. Departamento de Economia, Gestão e Ciências Sociais
Citação: PEREIRA, Paulo [et. al.] - Os níveis de stress dos alunos de licenciatura, da UCP – Viseu. Gestão e Desenvolvimento. Viseu. ISSN 0872-556X. Nº 15-16 (2007-2008), p. 43-68
Resumo: Com este trabalho, realizado no ano lectivo de 2007/2008, pretende analisar-se os níveis de stress na comunidade académica da UCP – Viseu, bem como as estratégias de coping desenvolvidas para o combater, temática que pode contribuir para a compreensão da forma como os alunos respondem às mudanças, nesta fase da sua vida, repleta de novos desafios e incertezas, que podem estar na origem de desequilíbrios emocionais e no esgotamento dos estudantes. São apresentadas definições dos conceitos de stress e estratégias de coping, abordando-se também as mudanças inerentes à transição para o ensino superior e as tarefas que precisam de superar ao longo do ciclo de estudos. Procede-se ao enquadramento metodológico do estudo, com a caracterização da população em estudo, método de selecção da amostra, apresentação de objectivos e hipóteses e do instrumento de recolha de informação. A análise permite determinar os factores de stress e as estratégias de coping predominantes, bem como a sua relação com os cursos frequentados pelos alunos, o facto de estar no início ou fim do curso e as variáveis de caracterização sexo, idade e nível sócio-económico. Finalmente são determinadas as relações existentes entre o stress e respectivos factores e o coping e respectivas estratégias. This work, conducted in the 2007/2008 school year, intends to examine the levels of stress in the academic community of the Portuguese Catholic University (UCP) - Viseu, as well as the coping strategies developed to fight it, a theme that can contribute to the understanding of how students respond to changes at this stage of his life, full of new challenges and uncertainties, which may be the cause of imbalances and emotional exhaustion of students. Definitions of stress and coping strategies are presented, also addressing the changes in the transition to higher education and the tasks that need to overcome along the course. The methodological framework of the study is presented, with the characterization of the studied population, method of sample selection, objectives and hypothesis presentation and the information-gathering tool used. The analysis allows to determine the predominating stressors and coping strategies, as well as their relationship with the courses taken by students, being in the beginning or end of the course and the characterization variables sex, age and socio-economic level. Finally, the relationship between stress and related factors and coping and their strategies is determined.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/9077
ISSN: 0872-556X
Aparece nas colecções:RGD - Nº 015-016 (2007-2008)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
gestaodesenvolvimento15_16_43.pdf640,03 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.