Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/8845
Título: Eficácia da aplicação de um conjunto de medidas na prevenção de pneumonia e traqueobronquite associadas ao ventilador
Autor: Fernandes, Paulo André Raposo Assunção
Orientador: Cristino, José Augusto Gamito Melo
Palavras-chave: associada ao ventilador
bundle
conjunto de medidas
infecção respiratória
pneumonia
prevenção
traqueobronquite
bundle
measures set
pneumonia
prevention
respiratory infection
tracheobronchitis
ventilator-associated
Data de Defesa: 17-Mai-2012
Resumo: Introdução. A infecção respiratória, pneumonia ou traqueobronquite, associada ao ventilador, é a infecção adquirida nas unidades de cuidados intensivos mais frequente. A implementação de conjuntos de medidas preventivas (bundles), reuniões multidisciplinares e de formação dos profissionais, parece ter eficácia acrescida na redução destas infecções. Objectivos. Testar a eficácia de um conjunto de medidas preventivas (bundle) na redução da incidência de pneumonia e traqueobronquite associadas ao ventilador, avaliando também a influência do nível de adesão dos profissionais na variação daquela incidência. Metodologia. Estudo quase-experimental, pré-pós intervenção com controlo histórico, em duas unidades de cuidados intensivos de hospitais distritais. Em 108 doentes entubados e ventilados mais de 48 horas, foi aplicado durante seis meses, um conjunto de cinco medidas: higienização das mãos dos profissionais, intervalos diários de sedação e teste de autonomização ventilatória, higiene oral com cloro-hexidina, elevação da cabeceira, e controlo da pressão do balão do tubo traqueal. O grupo de controlo foi constituído pelos 105 entubados e ventilados mais de 48 horas no período homólogo do ano anterior. Resultados. A incidência de infecção respiratória associada ao ventilador passou de 20,35 pré-intervenção para 13,58 / 1 000 dias de ventilação (p = ,24), pós-intervenção. A análise do número de dias entre infecções num gráfico de controlo revelou saída do processo do controlo estatístico, após a intervenção. A pneumonia passou de 7,75 para 6,79 / 1 000 (p = ,78) e a traqueobronquite de 12,60 para 6,79 / 1 000 (p = ,16). Também a mortalidade hospitalar, a demora média e o número de dias de ventilação, não foram significativamente alterados pela intervenção. A adesão dos profissionais ao conjunto de medidas foi de 76,2% por turno de enfermagem. Discussão. O baixo número de infecções legitimou o recurso ao método do controlo estatístico de processos, o qual revelou a significância estatística da redução pós-intervenção na incidência de infecção respiratória associada ao ventilador. Pneumonia e traqueobronquite ocorreram em número insuficiente para a revelação de significância na redução observada. A adesão dos profissionais foi inferior à referida na literatura, provavelmente por insuficiência da vertente formativa do estudo. Conclusão. Confirmando a hipótese principal do estudo, a incidência de infecção respiratória associada ao ventilador foi diminuída pela aplicação, segundo o método de bundles, de um conjunto de medidas preventivas.
Background. Ventilator-associated respiratory infection, pneumonia or tracheobronchitis, is the most common intensive care unit-acquired infection. Implementation of preventive measures sets (bundles), multidisciplinary rounds and educational initiatives directed toward healthcare workers, seems to have greater effectiveness in reducing these infections. Objectives. Testing effectiveness of a preventive measures bundle in reducing the incidence of ventilator-associated pneumonia and tracheobronchitis, assessing also the influence of professionals’ compliance with the measures on incidence variation. Methods. Quasi-experimental pre-post intervention study, with an historical control, conducted in two intensive care units from regional hospitals. For a period of six months, in 108 patients intubated and ventilated for 48 hours or more, a five-measures prevention bundle was applied, consisting of healthcare workers hand hygiene, daily interruption of sedation and assessment of readiness to wean, oral hygiene with chlorhexidine, head-of-bed elevation, and maintaining tracheal tube intracuff pressure. Control group was composed of the 105 patients intubated and ventilated for 48 hours or more in the same period from previous year. Results. Ventilator-associated respiratory infection incidence decreased from 20.35 pre-intervention to 13.58 / 1,000 ventilator days (p = .24), post-intervention. Number of days between infections analysis in a control chart revealed a post-intervention shift of the process towards out of control state. Pneumonia decreased from 7.75 to 6.79 / 1,000 (p = .78) and tracheobronchitis from 12.60 to 6.79 / 1,000 (p = .16). Also hospital mortality, average length of stay and number of ventilation days were not significantly altered by intervention. Professionals’ compliance with bundle measures was 76,2% per nursing shift. Discussion. Low number of infections legitimized the use of statistical process control method, which revealed statistical significance of post-intervention reduction in the incidence of ventilator-associated respiratory infection. Pneumonia and tracheobronchitis occurred in insufficient numbers for revelation of significance in the observed reduction. Professionals’ compliance with bundle measures was lower than reported in literature, probably due to insufficiencies in educational aspect of the study. Conclusion. Supporting study hypothesis, ventilator-associated respiratory infection incidence was reduced by application of a preventive measures set, according to bundles method.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/8845
Aparece nas colecções:R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
ICS(L) - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese_PauloFernandes.pdf3,99 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.