Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/8584
Título: Morsicatio Buccarum e possiveis factores etiológicos
Autor: Lima, Liliana Cláudia Malheiro Pereira
Orientador: Leitão, Jorge
Lopes, João Tinoco
Palavras-chave: Morsicatio Buccarum
Ansiedade
Lesões brancas orais
Disfunção Temporo-Mandibular
Morsicatio Buccarum
Oral white Lesions
Temporomandibular disfuntion
Anxiety
Data de Defesa: Jul-2010
Resumo: Morsiactio Buccarum é uma lesão branca oral, de carácter benigno, originada pela mordedura crónica da mucosa, habitualmente presente em indivíduos jovens. Este hábito é normalmente inconsciente, no entanto poderão ser inúmeros os motivos na origem deste processo de auto-mutilação, sendo mencionada por vários autores a possível influência da ansiedade e stress emocional. São bem conhecidos os efeitos nefastos que a ansiedade tem na saúde geral e oral do indivíduo, no entanto a Disfunção Temporo-Mandibular (DTM), deve também ser considerada, como um possível factor contribuinte. Com este trabalho pretende-se avaliar a ansiedade e a Disfunção Temporo-Mandibular (DTM) como possíveis factores etiológicos do Morsicatio Buccarum, tendo, para o efeito, sido levado a cabo um estudo na Clínica Universitária da Universidade Católica Portuguesa, no período compreendido entre Março e Junho de 2010, envolvendo pacientes e estudantes desta instituição, com idades compreendidas entre os 18 e 76 anos. Foi realizada uma avaliação do nível de stress percebido pelo paciente, com a utilização de um questionário fechado e exame clínico para avaliar DTM, numa amostragem composta por 60 individuos. A prevalência de Morsicatio Buccarum na amostra foi de 6,7% (N=4). Verificou-se, nesta amostra populacional, uma associação estatística significativa entre a ansiedade e o Morsicatio Buccarum (ρ=0,021). Não se verificou idêntica correlação em relação à DTM.
Morsiactio buccarum is a benign white oral lesion caused by chronic biting of the oral mucosa, which is usually seen in young individuals. This habit, usually unconscious, may be associated with different causes which lead to this self-flagellation. Several authors have mentioned the possible influence of anxiety and emotional stress. Are well known adverse effects that anxiety hás on oral and general health of the individual, but the Temporo-Mandibular Dysfunction (TMD) should also be considered as a possible contributory factor. The present study was carried out at the University Clinic of Portuguese Catholic University - Polo de Viseu between March and June 2010. It aims to assess anxiety and Temporomandibular Dysfunction (TMD) as possible causative factors in Morsicatio Buccarum in students and patients of this institution, with ages between 18 and 76 years. The stress level disclosed by a sample of 60 patients was assessed thru a closed questionnaire and TMD were assessed thru thorough clinical examination. The prevalence of Morsicatio Buccarum in the sample was 6,7% (N=4). There is a statistically significant association between anxiety and Morsicatio Buccarum (ρ = 0.021). There is no statistically significant correlation between TMD and Morsicatio Buccarum.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/8584
Aparece nas colecções:R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
DCSV - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Temporario.pdf9,29 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.