Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/7279
Título: O demónio em carne viva: a pele e a anatomia simbólica da possessão
Autor: Ribeiro, António Vítor
Palavras-chave: Pele
Possessão
Culto dionisíaco
Inquisição
Miguel Ângelo
skin
possession
dionysiac cult
Inquisition
Michelangelo
Data: 2011
Citação: RIBEIRO, António Vítor - O demónio em carne viva: a pele e a anatomia simbólica da possessão. Lusitania Sacra. Lisboa. ISSN 0076-1508. 2ª S. 23 (Jan. - Jun. 2011) 95-120
Resumo: Este estudo incide sobre a função simbólica desempenhada pela pele no fenómeno da possessão em Portugal durante a Época Moderna. Partiu-se de uma análise iconográfica e hagiográfica da figura de S. Bartolomeu, intimamente ligada à possessão, através de uma arqueologia dos motivos pictóricos e mitológicos aí presentes. Tal permitiu recuar até à dualidade entre Apolo e Dioniso, representada através do mito do esfolamento do sátiro Mársias. Ao determinar uma equiparação simbólica pele-alma no contexto da Antiguidade, principiou-se uma análise comparativa entre os comportamentos dos possuídos no Portugal da Época Moderna e o que se verificava naquele período, particularmente no culto dionisíaco. Paralelamente verificou-se que essa função simbólica da pele está presente no platonismo e que foi representada, ao longo dos séculos, de várias formas e em vários níveis culturais, desde o folclore e cultura popular, até à representação de S. Bartolomeu no tecto da Capela Sistina.
This study focuses on the symbolic function played by the skin concerning the phenomenon of spirit possession in Portugal during the Modern Period. It begins with an iconographic and hagiographic survey of the figure of St. Bartholomew, intimately connected to possession, through an archaeology of its pictoric and mythologic motives. Such procedure has allowed us to recede historically to the ancient duality between Apollo and Dionysus, symbolically represented in the myth of the flaying of the satyr Marsyas. By determining a symbolic assimilation skin-soul within the historical context of Antiquity, one has begun a comparative analysis between the behavior of possessed people in Modern Portugal and in Antiquity, especially those documented in the dionysiac cult. At the same time, it has been verified that this symbolic function of skin exists also in platonism and have been represented along the centuries in different ways and in diverse cultural strata, from folklore to the ceiling of the Sistine Chapel.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/7279
ISSN: 0076-1508
Aparece nas colecções:RLS - Tomo 023 (2011)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
LS_023_AntonioVRibeiro.pdf318,61 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.