Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/3738
Título: Hemisfério direito e linguagem : capacidade de linguagem complexa em sujeitos com lesão cerebral no hemisfério direito
Autor: Murteira, Ana Filipa Garcez Gonzaga
Orientador: Santos, Maria Emília
Data de Defesa: 2010
Resumo: O presente estudo tem como objectivo verificar se sujeitos com lesão vascular no hemisfério direito apresentam alterações de linguagem em provas de avaliação de linguagem complexa. Foram analisados 27 sujeitos com lesão cerebral do Hemisfério direito, sendo os resultados obtidos comparados com valores de referência, para a população portuguesa, já existentes, num conjunto de provas de linguagem complexa de Compreensão (Compreensão de Provérbios, Decisão Semântica e Expressões Idiomáticas) e de Expressão (Definição de Palavras e Criação de Frases). Verificou-se que o grupo de doentes tivera desempenho inferior em todas as provas, excepto na Definição de Palavras, comparativamente aos valores de referência para a população portuguesa, embora com tempo de execução idênticos. Verificou-se ainda que, dos 27 sujeitos observados, apenas cinco não apresentavam qualquer alteração de linguagem. Assim, os resultados indicam que muitos doentes com lesão vascular no hemisfério direito podem apresentar alterações de comunicação, principalmente ao nível da compreensão de material linguístico complexo que, numa primeira abordagem, podem não parecer relevantes, mas causam impacto a nível social, devendo os profissionais ligados a esta área estar atentos a esta problemática.
The goal of the present study is to examine if right hemisphere brain damage subjects present language impairments in complex language assessment tests. Twenty-seven subjects with right hemisphere brain damage were analyzed and the results were compared with existing benchmarks for the Portuguese population, in a set of a comprehension tests (proverbs comprehension, lexical judgment and idioms) and expression tests (word definition and sentences creation). The data show that the patient group had a lower performance in all tests, except in Word Definition test, compared with the expected values for the Portuguese population, although the tests execution time were similar. It was found that the twenty-seven subjects analyzed, only five showed no language impairments. The results indicate that many patients with right hemisphere vascular injury may present communication disturbances, particularly in complex comprehension, which at fist sight, may not seem important, but have impact social impact, so that professionals involved should be alert to this problem.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/3738
Aparece nas colecções:R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
ICS(L) - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Temporario.pdf9,29 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.