Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/18790
Título: Institutional voids and their impact on entry decisions and strategy implementation
Autor: Owczarek, Agata Karolina
Orientador: Leglise, Laure
Data de Defesa: 29-Out-2015
Resumo: This research investigates the ways institutional voids affect the process of internationalization of a firm entering an emerging market in the energy sector. More precisely, the study presented aims to draw conslusions about the importance of institutional context for entry decisions and strategy implementation when expanding to an emerging market. To answer this research question, a case study on the internaitonalization process of EDP in Peru was conducted. The results obtained suggest that companies become more and more aware of the importance of institutional voids for the future of the projects in emerging markets. Before the entry decision takes place, company analyzes deeply the institutional context. Entry mode changes accordingly to the perceived risk coming from the insuffcient institutionalization. Overall strategy connected with different areas, for instance capital and labor markets and various stakeholders like government and society is adjusted accordingly to the characteristics of the market. The final conclusion is that the overall strategy has to be tailored to the specific institutional context. Sometimes the difference between the home and host country is rather a matter of nuance and the art of addressing it, makes companies successful.
Esta pesquisa investiga como os vazios institucionais afetam o processo de internacionalização duma empresa ao entrar num mercado emergente no sector da energia. Mais precisamente, o estudo apresentado tem como objetivo tirar as conclusões sobre a importância do contexto institucional para as decisões de entrada e implementação da estratégia ao expandir para um mercado emergente. Para responder a questão da pesquisa, foi realizado um estudo de caso do processo da internacionalização da EDP no Peru. Os resultados obtidos sugerem que as empresas se tornam cada vez mais conscientes da importância dos vazios institucionais para o futuro dos projetos em mercados emergentes. Antes da decisão de entrada ocorre, empresa analisa profundamente o contexto institucional. Modo da entrada muda de acordo com a percepção do risco proveniente das instituições ineficientes. Estratégia global conectada com diferentes áreas, por exemplo os mercados capitais e laborais e as várias partes interessadas, como o governo e a sociedade, é ajustada de acordo com as características do mercado. A conclusão final é que a estratégia global tem de ser adaptada ao contexto institucional específico. Às vezes, a diferença entre o país de origem e de acolhimento é sim uma questão da nuança e a arte de abordá-la, torna as empresas bem-sucedidas.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/18790
Aparece nas colecções:FCEE - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
thesis .pdf943,02 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.