Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/18717
Título: Caracterização da exposição gengival do maxilar superior durante quatro expressões faciais
Autor: Mendes, Magda de Freitas Olímpio Nogueira
Orientador: Marques, Tiago
Araújo, Filipe
Palavras-chave: Estética Dentária
Exposição gengival
Expressões faciais
Gengiva
Reabilitação estética
Aesthetic Dentistry
Gingival Display
Facial Expressions
Gingiva
Aesthetic rehabilitation
Data de Defesa: 29-Jul-2015
Resumo: INTRODUÇÃO: Devido à crescente demanda estética, o sorriso tem ganho cada vez mais importância na prática clínica. No entanto, a maior parte dos estudos, considera o sorriso como uma expressão estática e são em menor número os estudos que têm em conta o dinamismo das expressões e as alterações que estas causam. OBJECTIVO: Caracterizar a exposição gengival dos dentes antero-superiores em quatro expressões faciais diferentes, que auxilie um tratamento reabilitador mais estético e natural METODOLOGIA: Recolha videográfica de onde foram retiradas e examinadas 320 fotografias, correspondentes a uma população de 80 estudantes da Universidade Católica Portuguesa. Em seguida, utilizando o Image J, foram medidas as alturas verticais da gengiva exposta nos incisivos, caninos e primeiros pré-molares. Para tratamento estatístico dos dados foi utilizado o programa IBM SPSS® Statistics v22, onde foram definidos os resultados inter-grupos e feita a caracterização de cada grupo face às tendências por sexo. Foram utilizados para o tratamento dos dados testes como Kolmogorov-Smirnov, ANOVA de Medidas Repetidas devido às duas fontes de variação (intra-sujeito e inter-sujeito), teste de Mauchly's e de Mann-Whitney, método de Bonferroni e correcção de Greenhouse-Geisser RESULTADOS: A expressão que expõe mais tecido gengival no geral é a expressão de Repulsa que, ao nível dos incisivos laterais expõe uma média de 3,08mm de gengiva. O sorriso Duchenne é a expressão que mais expõe tecido gengival na área dos primeiros pré-molares, área essa que nunca é exposta com a expressão em forma de Funil. Com apenas 22,5% indivíduos de sexo masculino, as diferenças entre sexos foram nas expressões em forma de Funil e de Repulsa, a nível dos incisivos centrais. CONCLUSÃO: Existem diferenças significativas na exposição gengival em expressões diferentes, influenciadas por vários factores. O estudo destas diferenças pode auxiliar no planeamento de um tratamento reabilitador mais natural e estético.
INTRODUCTION: Due to the increasing aesthetic demand, the smile has gained more importance in clinical practice. However most of the studies consider the smile as a static expression and fewer take into account the dynamics of the expressions and the changes they cause. PURPOSE: characterize gingival display in the anterior-upper teeth in four different facial expressions, to help creating a more esthetic and natural rehabilitation treatment METHODS: Videos were made and then taken and examined 320 photographs corresponding to a population of 80 students of the Portuguese Catholic University. Then, using Image J, the vertical heights of exposed gums in the incisors, canines and first premolars were measured. For statistical processing of data IBM SPSS® Statistics v22 was used, which defined the intra-groups results and characterized each group for gender. Statistical analysis was performed using tests like Kolmogorov-Smirnov, two-way ANOVA due do the two sources of variation (intra and inter-subject), Mann-Whitney and Mauchly's test, Bonferroni method and Greenhouse-Geisser correction. RESULTS: The facial expression which exposes more gingival tissue, in general, is the intense grimace of disgust expression, that exposes an average of 3,08 mm of gingiva at the lateral incisors. Duchenne's smile is the expression which exposes more gingival tissue at the first premolars area. That area is never exposed in the funnel-shaped expression. With only 22.5% of male subjects, gender differences were in the funnel-shaped and intense grimace of disgust expressions, on the central incisors. CONCLUSION: There are significant differences in gingival display in different expressions, influenced by numerous factors. The study of these differences can assist in planning a rehabilitation treatment more natural and aesthetic.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/18717
Aparece nas colecções:ICS(V) - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Caracterização da exposição gengival.pdf2,05 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.