Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/18699
Título: O “fantástico” em O Lago (2011) - Ana Teresa Pereira
Autor: Pereira, Ana Cristina Teixeira da Silva de Sousa
Orientador: Garcia, Mário Rosa da Silva
Palavras-chave: Natureza
Memória
Irreal
Ficção
Fantástico
Supranatural
Nature
Memory
Unreal
Fiction
Fantastic
Supranatural
Data de Defesa: 8-Mai-2015
Resumo: Depois de uma incursão sobre as teorias relacionadas com a literatura do género fantástico, assim como o confronto com o neofantástico, conceito de que estão arredados o medo e o terror inerentes à narrativa fantástica tradicional, a presente Dissertação assenta nestas bases que enquadram a obra literária sobre que versa o núcleo da nossa investigação. Esta abordagem teórica reporta-se ao contributo de alguns investigadores no que toca sobretudo ao hibridismo e à evolução do conceito de "fantástico" e ao seminal estudo de Tzvetan Todorov. Consideramos, assim, relevante determinar as fronteiras que separam o “fantástico” de outros géneros. A ficção narrativa de Ana Teresa Pereira em O Lago intende propor um tipo de compreensão do "fantástico" como totalidade abrangendo todos os aspetos do real. Daí que a nossa análise incida sobre o processo vocabular, imagético-simbólico e temático de O Lago. Partindo da leitura de três livros anteriores à publicação desta obra, que se caracterizam por uma unidade intrínseca e obsessiva, a partir de imagens de uma beleza terrível e fantástica, procurou-se demonstrar os tópicos da originalidade da escrita literária de Ana Teresa Pereira. No âmbito do horizonte hermenêutico supranatural, verificamos que o processo de descodificação e de interpretação dos textos da autora se assemelha a uma narrativa enigmática, muito bem urdida no seu efeito de perturbação, aberta ao transcendente, numinoso e sagrado.
After an incursion on the theories related to the fantastic literary genre, and a confrontation with the neofantastic, concept in which the fear and terror inherent to the traditional “fantastic” narrative are excluded, the present Dissertation lays on these fundamentals, that fit the titles that constitute the centre of this investigation. This technical approach leans on the contribution of some researchers like Tzvetan Todorov, especially when it comes to the hybridism, the evolution of the concept of “fantastic”and seminal studies. We consider therefore that it is important to determine the boundaries that distinguish the fantastic genre from the others. Ana Teresa Pereira’s narrative fiction in the title “O Lago”, proposes a specific comprehension of the “fantastic” as a total, embracing all the real aspects. Therefore, our analysis focuses on the vocabulary, symbolic imagery and thematic processes of O Lago. Based on the analysis of three titles, prior to this one, that are characterized by an intrinsic and obsessive unit, having as basis images of a terrible and fantastic beauty, we intend to demonstrate the originality of the topics from Ana Teresa Pereira’s writing. On the hermeneutic supranatural field, we can verify that the decoding and interpretation process of Ana Teresa Pereira’s texts, resemble to an enigmatic narrative, very well plotted on its perturbation effect, opened to the transcendent, sacred and numinous.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/18699
Aparece nas colecções:FF - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Ana Pereira.pdf953,9 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.