Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/18503
Título: A tradução da literatura juvenil: uma componente imprescindível do diálogo intercultural
Autor: Cruz, Maria Amélia
Palavras-chave: tradução
literatura juvenil
diálogo intercultural
Mirjam Pressler
Data: 2013
Editora: Universidade Católica Editora
Citação: CRUZ, Maria Amélia - A tradução da literatura juvenil : uma componente imprescindível do diálogo intercultural. In FRAGOSO, Gabriela, org. - Literatura para a infância : infância na literatura. Lisboa : Universidade Católica Editora, 2013. (Estudos de comunicação e cultura. Translating Europe across the ages). ISBN 978-972-54-0378-5. p. 56-62.
Resumo: Há algum tempo que tenho vindo a questionar-me sobre o papel que a tradução pode vir a desempenhar no mundo global em que hoje nos movemos, como meio privilegiado de mediação entre os povos e como base de entendimento no diálogo intercultural. Penso que, neste sentido, adquire importância relevante a tradução do texto literário, muito especialmente a do texto literário juvenil, como meio de dar a conhecer a um público jovem e, por conseguinte, numa fase ainda precoce de aquisição de conhecimentos e valores, o universo geográfico, social e cultural a que pertencem todos aqueles que, de algum modo, Ihe são ‘estranhos’. Tendo em conta o tema em questão, há um conceito central que pretendo aqui analisar, ainda que muito sucintamente: o conceito de ‘tradução’, um conceito plural de grande complexidade, cujo sentido adquiriu novos significados sobretudo a partir de meados do século XX. Além disso, porque a minha reflexão incidirá sobre o papel da tradução da literatura juvenil, há ainda um outro aspecto que não pode ser ignorado e que tem a ver com o que se entende por ‘literatura juvenil’. A abordagem destes dois conceitos com vista à sua delimitação e definição exigiria um trabalho reflexivo de grande fôlego que se estenderia muito para Iá do âmbito desta comunicação. No entanto, dada a centralidade que ocupam relativamente ao tema que propus desenvolver, não deixarei de apresentar algumas considerações relativamente aos mesmos, de forma a explicitar em que sentido ou sentidos serão aqui utilizados. Finalmente, com base na análise da obra 'Die Zeit der Schlafenden Hunde / O Tempo dos Cães Adormecidos' (2005), de Mirjam Pressler, conhecida escritora e tradutora alemã, procurarei tirar algumas ilações relativamente ao papel que a tradução da literatura juvenil poderá vir a desempenhar na formação dos jovens de hoje, preparando-os para uma convivência intercultural harmoniosa, baseada em relações dialógicas de entendimento e respeito mútuos.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/18503
ISBN: 978-972-54-0378-5
Aparece nas colecções:CECC - Livros e partes de livros / Books and chapters

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A traducao da literatura juvenil.PDF195,01 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.