Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/18395
Título: Crentes e ateus: o elogio da pergunta
Autor: Borges, Anselmo
Data: 1999
Editora: Faculdade de Teologia da Universidade Católica Portuguesa
Citação: BORGES, Anselmo – Crentes e ateus: o elogio da pergunta. Didaskalia. Lisboa. ISSN 0253-1674. 29:1-2 (1999) 335-352.
Resumo: Enquanto houver homens falíveis, finitos, mortais, que inevitavelmente hão-de sofrer a contingência e perguntar pelo fundamento último da realidade, esperando para lá da morte o dom do sentido final, a questão de Deus há-de surgir sempre de novo. É aliás sintomático que as constantes profecias do desaparecimento da religião se não tenham verificado. A dimensão religiosa não pode ser rejeitada, pelo menos no nível de questão, e precisamente «em, com e sob» outras experiências vitais, como a experiência ética, estética, amorosa..., pode encontrar caminhos de resposta positiva. É tarefa de uma filosofia da religião mostrar a plausibilidade, coerência, consistência e argumentabilidade da fé religiosa. Concretamente no que se refere à fé monoteísta, há-de mostrar-se a sua «coerência interna» (como pensar o Absoluto Pessoal enquanto «Amor originário»?) e a sua «coerência externa» (a coerência da afirmação de Deus com a visão global do Universo: toda a problemática da criação e da evolução do universo, da origem e do desenvolvimento da vida, da Providência e do mal...).
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/18395
ISSN: 0253-1674
Aparece nas colecções:RD - 1999 - Vol. 029 - Fasc. 1 e 2

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
V0290102-335-352.pdf431,85 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.