Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/18345
Título: O humor e o stress dos enfermeiros que cuidam com pessoas em fim de vida
Autor: Santos, Maria Inês Leal Brites Costa
Orientador: José, Helena
Capelas, Manuel Luís
Palavras-chave: humor
estratégias de coping
stresse
enfermeiros e fim de vida
Humour/Humor
Coping
Stress
Nurses and End of Life
Data de Defesa: 30-Abr-2015
Resumo: Introdução: São atualmente conhecidos os efeitos potencialmente negativos do stresse. Os enfermeiros constituem um dos grupos profissionais mais expostos aos fatores de stresse, nomeadamente os que prestam cuidados em fim de vida, visto que contactam diariamente com a morte, sofrimento e emoções negativas. Importa certificar que estes profissionais reconhecem estes fatores de stresse de modo a geri-los eficazmente prevenindo repercussões na sua saúde. Existe evidência científica de que o humor pode constituir uma estratégia eficaz na gestão do stresse ocupacional, podendo ser utilizado pelos profissionais em seu próprio benefício. A análise desta relação entre o humor e o nível de stresse requer a exploração de características como a magnitude e a orientação da mesma, através da utilização de instrumentos adequados de avaliação. Objetivos: Estabelecer a relação entre o Humor e o Stresse no contexto de trabalho dos enfermeiros que cuidam com pessoas em fim de vida. Determinar a natureza desta relação em termos de magnitude e orientação. Desenvolveu-se um estudo do tipo correlacional. A recolha de dados iniciou-se pela aplicação de um formulário online – composto por um questionário sociodemográfico e as traduções portuguesas da Multidimensional Sense of Humor Scale, MSHS (1) e da Nurse Stress Index, NSI (2) – a 61 enfermeiros que cuidam com pessoas em fim de vida. A análise dos resultados foi desenvolvida com recurso ao programa informático de estatística SPSS, versão 20. Resultados: Os sujeitos experienciam stresse em várias situações inerentes ao contexto de trabalho e revelam uma forte aceitação e apreciação do humor. A um aumento do nível de stresse corresponde um aumento do sentido de humor. Conclusões: Os enfermeiros que cuidam com pessoas em fim de vida recorrem ao sentido de humor como estratégia para gerir o stresse com que se deparam no seu quotidiano laboral.
Framework: The negative effects of stress are currently known. Nurses are one of the most exposed professional group to stressors namely those who provide end of life care due to their daily contact with death, bad emotions and suffer. It should be noted that these professionals recognize these stressors in order to manage them effectively aiming the prevention of repercussions in their health. There is scientific evidence that humor may constitute an incisive coping strategy in the management of occupational stress that can be used by professionals for their own benefit. The analysis of the relationship between humor and the stress level requires the exploitation of characteristics like the magnitude and orientation thereof using appropriate tools of evaluation. Aim: Establish the relationship between Humor and Stress in the workplace of nurses who provide end of life care. Define the nature of this relationship in terms of its magnitude and orientation.Methods: Correlational Study. Data collection began with an online form – containing a social-demographic survey and both Portuguese translations of Multidimensional Sense of Humor Scale (1) and Nurse Stress Index (2) – to 61 nurses who care for end of life patients. Data analysis was conducted using the statistical software SPSS, version 20. Results: The results of this study evince that individuals experience stress in several situations linked to work environment and reveal a strong humor acceptance and appreciation. Conclusions: An increase in the stress level led to a growth in sense of humor. Therefore, it can be seen that nurses who care for end of life patient’s appeal to sense of humor as a strategy to manage stressful situations that they face in their everyday labor.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/18345
Aparece nas colecções:ICS(L) - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação MªInês Santos 01.04.pdf1,63 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.