Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/18268
Título: Jerónimo Martins Distribuição : are mature export markets addressable?
Autor: Oliveira, Teresa Almada e Melo Gomes de
Orientador: Pires, João Simão
Palavras-chave: Portugal
exporting
Competitiveness
Positioning
Mature markets
Exportação
Competitividade
Posicionamento
Mercados maduros
Data de Defesa: 8-Jul-2015
Resumo: The main goal of this research is to uncover the main challenges of the export business, mainly in the perspective of small-country companies, like the Portuguese, and potential resolutions, in order to excel the development of external markets, namely mature and / or non-affinity ones. Mainly through the insights of the major exporters in the Portuguese food industry and associated government entities, the main conclusion of the study is that likely, previous strategies deployed in emerging / affinity markets will not suffice. Because in mature markets competing in price is tough and because the Portuguese national brand still means little abroad, the study concludes that companies need to find new sources of competitive advantage: from product differentiation and targeted portfolio adaptations to intangibles like hospitality and strong international brands. In order to conquer these, companies should acknowledge the required investments of this activity, to build own knowledge on those markets and their consumers, in building proximity bridges with those markets, and in re-adjusting the organization to the new business objectives. Having this in mind, the definition of priority markets and resilience in the application of the delineated strategy is of outmost importance. Lastly, the study concludes that strategic partnerships, own-nation collaborative strategies or even private-label production are all viable solutions to face the limited financial resources, usually characteristic of companies with origin in countries with small internal markets.
O principal objectivo deste estudo é explorar quais os principais desafios enfrentados, no negócio da exportação, por empresas originárias de países com mercados internos reduzidos, como as Portuguesas, assim como pensar possíveis soluções para o desenvolvimento de mercados externos, nomeadamente mercados maduros e / ou mercados com menor afinidade. Maioritariamente através de insights das maiores empresas Portuguesas exportadoras no sector alimentar, e de entidades governamentais associadas, a principal conclusão deste estudo é que as estratégias desenvolvidas para mercados emergentes / de afinidade não serão suficientes. Porque nos mercados maduros concorrer em preço é difícil, e porque a marca Portugal ainda significa pouco para o resto do mundo, o estudo conclui que as empresas necessitam de encontrar novas fontes de vantagem competitiva: desde a diferenciação e desenvolvimento de um portfólio adaptado aos mercados alvo, à promoção de factores intangíveis como a hospitalidade e o desenvolvimento de marcas internacionais fortes. Para isto, as empresas devem reconhecer o investimento necessário à actividade, para desenvolver conhecimento próprio dos mercados e dos seus consumidores e criar pontes de proximidade com os mesmos e em ajustar a estrutura organizacional aos novos objectivos do negócio. Assim sendo, a definição de mercados prioritários e a resiliência na aplicação da estratégia internacional são cruciais ao sucesso. Por último, o estudo conclui que parcerias estratégicas, associativismo ou mesmo a produção para marcas de distribuidor são estratégias viáveis para fazer face à escassez de recursos financeiros, característica de empresas com origem em países com mercados internos reduzidos.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/18268
Aparece nas colecções:FCEE - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese Final Vfinal5.pdf3,05 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.