Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/17821
Título: Do avaliador ao supervisor : que (per)cursos necessários?
Autor: Marques, Nascimento dos Santos
Orientador: Alves, José Matias
Silva, Lília Ana Santos
Palavras-chave: Supervisão
Avaliação
Supervisor
Ética
Autonomia
Emancipação
Supervision
Evaluation
Ethics
Autonomy
Emancipation
Data de Defesa: 31-Jan-2013
Resumo: Este relatório pretende reflectir um caminho percorrido nos trilhos da avaliação do desempenho docente e resultou, ainda, do meu desconforto no desempenho das funções de avaliador entre 2007 e 2011. Foi esse incómodo que despoletou em mim a necessidade de saber mais, para cumprir melhor esta difícil função. Isto é, dei conta que talvez não chegasse cumprir o papel que a legislação me atribuía - o de avaliador. Senti que precisava de dar um salto qualitativo: era importante, para mim, para aqueles com quem eu trabalhava e para a própria escola, que eu fosse capaz de desenvolver as minhas funções de modo a ajudar os outros, e a mim, a crescer pessoal e profissionalmente. Para que isso acontecesse, faltava claramente a componente formativa que a avaliação de desempenho docente deve ter. Foi assim que encetei esta reflexão/investigação e, em função dos meus pontos fracos, foquei a minha atenção no papel de avaliador/supervisor, e nas aulas assistidas, tentando procurar respostas para, numa próxima oportunidade, poder desenvolver um verdadeiro processo de supervisão pedagógica. Relativamente ao primeiro ponto, papel de avaliador/supervisor, com esta investigação, verifiquei que tomei algumas decisões acertadas, mas, acima de tudo, verifiquei o muito que não fiz. A componente reflexiva, por exemplo, foi quase inexistente. A avaliação do desempenho docente, tal como está implementada é também algo limitadora para se produzirem grandes transformações. No entanto, os avaliadores terão também de ser supervisores para se poder implementar um verdadeiro processo de supervisão. Daí o título - Do avaliador ao supervisor – que (per) cursos necessários? Relativamente ao segundo ponto, observação de aulas, foi também alvo da minha atenção, porque senti igualmente muitas dificuldades, e também, porque é no acto pedagógico que a escola actual mais tem que investir, recebendo os contributos da supervisão pedagógica, com vista à melhoria dos resultados. Tomando o ciclo de observação como referência, verifico que as minhas maiores lacunas foram na fase de pré-observação. Descrevo a problemática no âmbito das funções de avaliador, como ponto de partida, para procurar saber mais sobre a temática abrangente da supervisão pedagógica. Sei que é uma área difícil, controversa, mal compreendida, mas que encerra, estou convencido disso, as potencialidades para a escola dar o salto qualitativo, que muitos reclamam e que demora a ser atingido. Termino fazendo uma reflexão de todo o caminho percorrido, concluindo que me sinto num estádio diferente do inicial, mas sabendo que ainda é o início e que há muito para aprender.
This report is intended to reflect a path followed in the tracks of the teacher’s performance evaluation and resulted also from my discomfort while performing the duties of evaluator from 2007 to 2011. It was this discomfort that triggered in me the need to learn more to fulfil better this demanding role. That is, I realized that maybe it wasn’t enough to fulfil the role assigned to me by the legislation – to be an evaluator. I felt I needed to make a qualitative leap: it was important for me, for those I worked with and for the school itself, that I was able to develop my duties in order to help the others, and myself, to grow personally and professionally. I found out that, it clearly lacked the training component that the teacher’s performance evaluation should have. That's why I began this reflection / research, and according to my weaknesses, I focused my attention on the role of the evaluator / supervisor, and the supervised classes, trying to look for answers, so that in the next opportunity, I can develop a true process of pedagogical supervision. With this investigation, I found out that I had taken some good decisions, but above all, I realized how much I hadn’t done when I took the role of evaluator / supervisor. The reflective component, for example, was almost nonexistent. The evaluation of the teacher's performance, as it is implemented, is also somewhat limiting to yield major changes. However, the evaluators have also to be supervisors in order to implement a real oversight process. Therefore the title - From the evaluator to the supervisor - which are the required courses / paths? The observation of the lessons was also the target of my attention because I felt many difficulties too and because nowadays it is in the act of teaching that the school has to invest more to improve the results, by receiving contributions of pedagogical supervision,. Taking the cycle of observation as a reference, I realized that my biggest gaps were during the time before the observation of the lessons. I describe the problem in the context of the functions of the evaluator, as a starting point, to know more about this broad theme about pedagogical supervision. I know this is a difficult area, controversial, misunderstood, but that has, I am convinced, the potentialities so the school can give the qualitative leap, that many people want that it takes time to be reached. I end up by making a reflection of the entire path, and I conclude that I feel at a different level from the initial one, but I know that I am still at the beginning and there is much more to learn.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/17821
Aparece nas colecções:FEP - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Relatório-16. F. Back.pdf700,33 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.