Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/17696
Título: O novo paradigma energético : atuais desafios
Autor: Ferraz, Rui José Peres e Leiro Gonçalves
Orientador: Leitão, Alexandra
Palavras-chave: Eficiência energética
Descarbonização da economia
Energias renováveis
Mudanças climáticas
Política energética
Energy efficiency
Decarbonization of the economy
Renewable energy
Climate change
Energy policy
Data de Defesa: 22-Dez-2014
Resumo: As sociedades modernas são completamente dependentes de energia e totalmente dominadas pelos combustíveis fósseis. Contudo, questões do foro económico, geoestratégico e ambiental, das quais se destacam o elevado preço, a segurança do abastecimento, o possível esgotamento e as alterações no meio ambiente causadas pela sua exploração e utilização, evidenciam a urgência de um novo paradigma energético mundial. Com a presente dissertação pretende-se fazer uma reflexão sobre os desafios deste novo paradigma energético, o qual implica uma melhor gestão dos recursos energéticos, quer seja pela poupança quer seja pelo uso mais eficiente dos mesmos. É também muito importante neste âmbito travar a dependência dos combustíveis fósseis, substituindo-os por energias limpas. Assim sendo, este estudo foca de que forma e com que intensidade a descarbonização das economias modernas se está a realizar, privilegiando o uso de fontes de energia renovável em detrimento dos combustíveis fósseis, cuja combustão é considerada a mais importante causa antropogénica do aquecimento global. É dado particular ênfase à economia europeia e a Portugal, em especial, caracterizado por uma forte dependência de combustíveis fósseis. O incremento de energias renováveis na produção energética, o aumento da eficiência energética e a exploração dos depósitos de petróleo e gás natural, que são hoje conhecidos em solo luso, podem permitir aliviar a pesada fatura energética nacional. É feita ainda uma breve apresentação da política energética comunitária e nacional e respetivo enquadramento legal.
Modern societies are completely dependent on energy and totally dominated by fossil fuels. However, economic, geostrategic and environmental issues, such as the high price level, supply security reasons, the possible exhaustion and environment damages caused by the exploitation and use of fossil fuels, stand out the urgent need for a new world energy paradigm. This dissertation reflects on the challenges of this new energy paradigm. It inevitably implies a far better management of energy resources, whether by saving or using them more efficiently. Clean energy is also very important and it plays a crucial role if the world wants to stop the huge dependence on fossil fuels. Therefore, this study focuses on how and with what intensity the decarbonization of modern economies is happening, favouring renewable energy sources instead of fossil fuels whose combustion is leading to global warming. This study gives particular emphasis to the European economy and, specially, to Portugal. Our country is strongly dependent on fossil fuels. The increase of renewable energy sources in energy production, the increase in energy efficiency and the exploitation of oil and natural gas deposits, which are currently known in Portuguese soil, can help relieving our heavy national energy bill. Finally, there is a brief presentation of European and national energy policy and its legal framework.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/17696
Aparece nas colecções:FEG - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
tese final.pdf2,2 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.