Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/17584
Título: Influência de agentes antimicrobianos e ambientais nas comunidades baxterianas e nos níveis de resistência a antibióticos numa estação de tratamento de águas residuais
Autor: Figueiredo, Ana Isabel Novo de
Orientador: Manaia, Célia M.
Nunes, Olga C.
Palavras-chave: Estação de Tratamento de Águas Residuais Urbanas
PCR-DGGE
Comunidades bacterianas
Municipal Wastewater Treatment Plant
Bacterial communities
Data de Defesa: 29-Jun-2012
Resumo: A variação da estrutura da comunidade bacteriana de águas residuais de uma estação municipal de tratamento (ETAR) foi avaliada em amostras colhidas antes e após o tratamento, através do método de eletroforese em gel de gradiente desnaturante (DGGE). Os padrões de DGGE da comunidade correspondentes a catorze amostragens realizadas em diferentes estações do ano, foram analisados em função de variáveis bióticas e abióticas com recurso a análise estatística multivariada. Com base na análise das sequências nucleotídicas das bandas de DGGE, foi possível concluir que as populações predominantes pertencem ao filo Proteobacteria, às classes Beta-, Epsilon- e Gama-, e ao filo Bacteroidetes. A análise de componentes principais (PCA) com base em padrões de DGGE mostrou que a composição e estrutura das comunidades bacterianas variaram ao longo do tempo e de forma diferente para cada tipo de águas residuais (água residual bruta ou efluente tratado). A análise de correspondência canónica (CCA) dos padrões de DGGE em relação às variáveis ambientais sugere que alguns fatores, como a temperatura e humidade relativa do ar exercem uma influência significativa na composição do efluente tratado. A presença de alguns compostos químicos, tais como as tetraciclinas, ou a abundância de coliformes cultiváveis resistentes a ciprofloxacina ou a sulfametoxazol também mostraram estar relacionados com a estrutura da comunidade. Segundo este estudo, a comunidade bacteriana presente no efluente tratado é influenciada por populações de bactérias cultiváveis resistentes a antibióticos, pela presença de agentes antimicrobianos e pelas condições físico-químicas. É possível concluir que a comunidade bacteriana pode sofrer rearranjos durante o tratamento, o que poderá contribuir para o desenvolvimento de resistência a antibióticos e eventual disseminação no meio ambiente.
The variation of the bacterial community structure in a municipal activated sludge wastewater treatment plant (WWTP) was assessed before and after treatment, through the method of denaturing gradient gel electrophoresis (DGGE). The DGGE community patterns, corresponding to fourteen sampling campaigns over different seasons, were analysed as a function of different biotic and abiotic environmental variables through multivariate statistical analysis. Based on the analysis of the nucleotide sequences of the excised DGGE bands, it was possible to conclude that the predominant populations were Proteobacteria of the classes Beta-, Epsilon- and Gamma-, and Bacteroidetes. A principal component analysis (PCA) based on DGGE patterns showed that the composition and structure of bacterial communities varied over time and differently for each type of wastewater (raw or treated). The canonical correspondence analysis (CCA) of the DGGE patterns versus environmental variables suggested a significant influence of some factors, such as temperature and the relative humidity, in the treated effluent. The presence of some chemical compounds such as tetracyclines, and culturable coliforms resistant to ciprofloxacin or to sulfamethoxazole showed also to have a relationship with the structure of the community. According to this study, the bacterial community of the treated effluent is influenced by culturable antibiotic resistant populations, the presence of antimicrobial agents and the physicochemical conditions. It is possible to conclude that the bacterial community may suffer rearrangements throughout the wastewater treatment, eventually leading to the development of antibiotic resistance in the environment.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/17584
Aparece nas colecções:ESB - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese Mestrado em Microbiologia Aplicada_Ana Figueiredo_Junho 2012.pdf4,43 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.