Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/17328
Título: A (In)visibilidade do olhar colonial em Vera Cruz de Rosângela Rennó
Autor: Agostinho, Daniela
Palavras-chave: Invisibilidade
Colonialismo
Modernidade
Cultura Visual
Vera Cruz
Rosângela Rennó
Data: 2012
Editora: Centro de Estudos de História do Atlântico
Citação: AGOSTINHO, Daniela - A (In)visibilidade do olhar colonial em Vera Cruz de Rosângela Rennó. Newsletter do Centro de Estudos de História do Atlântico [Em linha]. 14 (2012) 25-26. Disponível na Internet: http://cehablog.blogspot.pt/2012/09/newsletter-do-ceha-n-14.html .
Resumo: A visualidade constituiu um domínio decisivo na formação da modernidade ocidental e dos seus projectos imperiais. As práticas visuais, ao longo de toda a modernidade, revelaram-se como uma estratégia fulcral de imaginação, historicização e diferenciação do Ocidente face ao Outro colonial. A cultura visual do colonialismo, ou “colonialismo visual” na expressão de Nicholas Mirzoeff (2007), desempenhou um papel fundamental na justificação e legitimação da ordem colonial dos Impérios modernos. Os regimes escópicos da era colonial reproduzem e configuram as relações de dominação e subordinação através de um olhar colonial que naturaliza a autoridade do colonizador e domestica simbolicamente a figura do colonizado, criando uma assimetria essencial à implementação e manutenção da ordem colonial.
Peer review: no
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/17328
Versão do Editor: http://cehablog.blogspot.pt/2012/09/newsletter-do-ceha-n-14.html
Aparece nas colecções:CECC - Artigos em revistas nacionais sem Arbitragem / Papers in national journals without Peer-review

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Daniela Agostinho_A (in)visibilidade do olhar colonial.pdf334,9 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.