Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/17313
Título: Literacia em saúde mental e o papel do género : follow-up do projecto abrir espaço á saúde mental
Autor: Luís, Marta Sofia Afonso
Orientador: Campos, Luísa
Palavras-chave: Promoção da Saúde Mental
Literacia em Saúde Mental
Estigma
Intervenções em contexto escolar
Mental Health Promotion
Mental Health Literacy
Stigma
School-based-interventions
Data de Defesa: 25-Jul-2014
Resumo: A adolescência é uma fase crucial para promover a saúde mental e o bem-estar psicológico (Graham & Power, 2004) caracterizando-se pela exposição ao stress e risco que pode, potencialmente, conduzir ao desenvolvimento de problemas de saúde mental (Schulze, Richter-Werling, Mastschinger & Angermeyer, 2003). A promoção da literacia em saúde mental e o combate ao estigma devem ser realizados o mais cedo possível, já que idades precoces estão mais predispostas à aprendizagem e à mudança e as atitudes ainda são maleáveis e podendo ser alteradas mais facilmente (Corrigan & Watson, 2007; Hinshaw, 2005; Jorm, 2000). O presente estudo insere-se no projeto “Abrir Espaço à Saúde Mental”, e tem como objetivo geral avaliar o impacto da intervenção de promoção de literacia em saúde mental, realizada em contexto escolar. A amostra foi constituída por 160 jovens, entre os 11 e os 15 anos de idade, a frequentar o 7º, 8º e 9º anos de escolaridade, provenientes de seis escolas públicas e duas privadas na zona norte de Portugal e que participaram nas sessões de intervenção. Para a realização da recolha de dados foi utilizado o LSMq - Questionário de literacia em saúde mental (Campos & Dias, 2014; Campos, Palha, Dias, Veiga, & Duarte, 2012), que foi aplicado aos participantes uma semana antes (pré-teste), uma semana após (pós-teste) e seis meses após a intervenção (follow-up). Os principais resultados obtidos apontam para a um aumento significativo do nível de literacia em saúde mental dos jovens, entre o momento da pré-intervenção e os momentos após a intervenção, contudo, os resultados obtidos não se mantiveram seis meses após intervenção. Com este estudo pretende-se, assim, reforçar a necessidade de se desenvolverem intervenções de promoção de literacia em saúde mental nos jovens e de realizar uma avaliação do impacto destas intervenções que acompanhe todas as etapas do projeto
Adolescence is a crucial period to promote mental health and psychological well-being (Graham & Power, 2004), this is a period characterized by exposure to stress and risk, that can potentially lead to the development of mental health problems (Schulze, Richter-phase Werling, Mastschinger & Angermeyer, 2003). Promoting mental health literacy and fighting stigma should be done as soon early as possible, since early ages are more likely to learning and change, and the attitudes can be changed easier (Corrigan & Watson, 2007; Hinshaw, 2005; Jorm, 2000). This study is part of the project "Abrir Espaço à Saúde Mental", and its aim is to assess the impact of a school-based intervention to promote mental health literacy. The sample consisted of 160 youths who participated in the intervention sessions, aged between 11 and 15 years old, attending the 7th, 8th and 9th grade, from six public, and two private schools, in the North of Portugal. Data collection was conducted through LSMq – A questionnaire on Mental Health Literacy (Campos & Dias, 2014; Campos, Palha, Dias, Veiga, & Duarte, 2012), which was applied to participants one week before (pre-test), one week after (post-test) and six months after the intervention (follow-up). The main results have shown a significant increase in the level of mental health literacy of the youth, between the pre-intervention moment and post-intervention moments, however the obtained results didn’t maintain six months after intervention. This study reinforces the need to develop interventions to promote mental health literacy amongst youth and to provide an assessment of the impact of these interventions that monitor every stage of the project.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/17313
Aparece nas colecções:FEP - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_Marta_2014.pdf566,73 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.