Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/17237
Título: Liderança feminina : o impacto dos estereótipos de género no acesso das mulheres aos cargos de liderança do topo
Autor: Coelho, Ana Filipa Machado Serra
Orientador: Ilharco, Fernando
Palavras-chave: Liderança feminina
Género
Estereótipo
Liderança de topo
Recrutamento
Women leadership
Gender
Stereotype
Top management
Recruitment
Data de Defesa: 23-Mar-2015
Resumo: Os estudos que têm por base a relação de liderança e género são ainda muito recentes, não havendo resultados comparativos conclusivos do estilo de liderança masculino e do estilo de liderança feminino. A abordagem ao estudo da temática do género em Portugal é, igualmente recente, tendo-se verificado uma evolução lenta e pouco regular. Na sociedade portuguesa da atualidade, a ideia da mulher dedicada em exclusivo às tarefas domésticas, nomeadamente ao papel de mãe e educadora, desvanece-se cada vez mais. Contudo, a representação da mulher na vida familiar é, ainda, considerada como um obstáculo no acesso das mulheres aos cargos de liderança de topo. Em Portugal, a feminização do mercado de trabalho tornou-se cada vez mais forte a partir dos anos 70. A mulher ganha cada vez mais relevância no mercado de trabalho, apresentando uma atividade económica remunerada bastante acentuada. Contudo, observa-se que a presença feminina em cargos de liderança de topo em Portugal é, ainda, bastante reduzida, apesar de a percentagem de mulheres academicamente educadas ser cada vez maior. Para o recrutamento de cargos de liderança de topo, o head-hunting continua a assumir um papel de destaque, sendo, esta, a principal forma de recrutamento. Contudo, o sistema de recomendações para acesso a cargos de topo e, também, nos outros cargos, será cada vez mais a tendência. Entrevistaram-se mulheres e homens em cargos de liderança de topo que, em muito contribuíram, para as conclusões principais desta investigação.
The studies regarding the relation of leadership and gender are still very recent and there is not any conclusive comparative result between male and female leadership approach. In Portugal, the gender study is also recent, having been verified a slowly and irregular evolution. In the current Portuguese society, the idea of the woman exclusively dedicated to domestic chores, namely the mother and educator part, is gradually fading. However, the women representation in the family is still considered as an obstacle to women achieve top management positions. In Portugal, since the 70’s, the access of women into the labour market is becoming stronger. Women started to gain more relevance in the labour market and started to achieve better paid employments. Nevertheless, the presence of women in top management positions in Portugal is still quite limited despite the progressively increase of graduated women percentage. For the recruitment of top management positions, head-hunting still assumes a key role, being the main recruitment method used. However, the recommendation system for top management positions and, also, other positions, is increasingly becoming the used method. Several women and men in top management positions were interviewed and each one of them had a strong contribution to the main conclusions of the present investigation.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/17237
Aparece nas colecções:FCH - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Ana Filipa Machado Serra Coelho.pdf1,27 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.