Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/17085
Título: Produção de uma curta-metragem inclusiva : As Fadas de Lisboa
Autor: Ferreira, Miriam Isabel Fidalgo
Orientador: Burnay, Catarina Duff
Palavras-chave: Produção
Inclusão
Cinema
Televisão
Production
Inclusive film
Television
Data de Defesa: 6-Mar-2015
Resumo: Este trabalho pretende contribuir para o desenvolvimento e implementação de estratégias para a produção de conteúdos cinematográficos (em formato curta-metragem) inclusivos. São abordadas técnicas alternativas de comunicação direcionadas a pessoas com necessidades especiais, nomeadamente, pessoas surdas, cegas e surdas-cegas. Destas técnicas, salientam-se a Língua Gestual Portuguesa, a legendagem e a audiodescrição. Pretende-se saber, junto de operadores de televisão e de produtores/realizadores cinematográficos, como adaptar as técnicas de acessibilidades numa sala de cinema e quais as perspetivas dos profissionais de cinema quanto à implementação das mesmas. Para tal, consultaram-se três operadores de televisão que utilizam meios de acessibilidade e seis produtores/realizadores cinematográficos, os quais foram entrevistados por escrito, de acordo com um guião previamente elaborado. Após análise dos resultados, verificou-se que os diferentes intervenientes no processo de acessibilidades de comunicação no cinema e televisão apresentam, simultaneamente, possibilidades e dificuldades. Por um lado, procura-se responder à necessidade do públicoalvo e às obrigações impostas pelo legislador, por outro lado, encontram-se limitações relacionadas com os custos de produção. Numa segunda parte, o projeto propõe-se compreender o processo de produção de um filme inclusivo, para exibição em sala de cinema, nomeadamente uma curta-metragem “As Fadas de Lisboa”, cujo argumento evoca o problema da violência doméstica.
This work aims to contribute to the development and implementation of strategies for the production of inclusive cinematographic content (in short film format). Alternative communication techniques for people with special needs are addressed, including deaf, blind and deaf blind, to which correspond the Portuguese Sign Language subtitling and audio description. We intend to learn from operators and television producers / film makers how to adapt the techniques of accessibility to a movie theater and what are the perspectives of professionals on its implementation. For such we have consulted three television operators who use alternative communication techniques and six producers / filmmakers, who responded to a written interview, according to a script prepared for the purpose. The results show that the different players in the process of accessibility communication for film and television concurrently equate possibilities and difficulties. Although seeking to address the need of the target audience and the obligations imposed by law, there are limitations related to production cost. Secondly, the project aims to understand the production process of an inclusive film, namely a short film "The Fairies of Lisbon” which argument evokes the problem of domestic violence.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/17085
Aparece nas colecções:FCH - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese_Miriam Ferreira.pdf4,58 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.