Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/17057
Título: Gestão dos Recursos Humanos nas escolas
Autor: Gonçalves, Maria de Fátima Candeias
Orientador: Melo, Rodrigo Queiroz e
Palavras-chave: Organizações
Gestão
Recursos Humanos
Organização Escolar
Autonomia
Data de Defesa: 3-Mar-2015
Resumo: A problemática da gestão dos recursos humanos tem vindo a adquirir uma crescente importância no âmbito das organizações. Tornou-se evidente o papel estratégico que o capital humano pode desenvolver para a consecução dos objetivos de uma organização. Assim, reconhecer a necessidade de uma boa gestão deste recurso numa organização, identificar as suas capacidades e potencialidades, proporcionando condições de evolução, contribui certamente para um melhor desempenho organizacional. Desta forma, na esfera de um quadro teórico sobre a gestão das organizações, surgem questões relacionadas com a gestão da organização escola. Sendo o âmbito destas questões demasiado abrangente restringiu-se o estudo a uma parcela da gestão estrategicamente importante na organização, a gestão dos recursos humanos mais propriamente ao capital docente. Sendo a escola uma organização educativa, poderão estender-se alguns princípios atribuídos à dinâmica das organizações em geral. Mas até que ponto estes princípios relativos à gestão dos recursos humanos são tidos em conta no âmbito da organização escolar? O âmago deste trabalho, consiste em obter dados empíricos que contribuam para compreender até que ponto os recursos humanos, incidindo mais propriamente no capital docente das escolas, estão a ser geridos e como está a ser realizada essa gestão no âmbito da organização escolar. Partiu-se então para uma reflexão no âmbito da literatura das organizações e análise de documentos normativos do funcionamento do sistema educativo e das escolas, bem como de relatórios resultantes da ação da avaliação externa, documentos que se reportam ao funcionamento interno de cada instituição escolar. Os resultados desta análise permitiram assim concluir que a responsabilidade da gestão dos recursos humanos no âmbito do pessoal docente, se encontra dividida entre as estruturas de gestão internas das escolas e os diferentes órgãos dependentes do Ministério da Educação o que pode comprometer em algumas áreas a ação dos gestores escolares. Verificou-se ainda, que ao nível das escolas, a gestão dos recursos humanos consiste maioritariamente nas práticas de organização e afetação dos recursos disponíveis às diferentes atividades/necessidades da organização. Por outro lado, verificou-se ainda que os critérios utilizados para a afetação dos recursos são relativos às competências profissionais e de natureza pedagógica, aspetos importantes na procura da eficácia organizacional. Desta forma, fica a sensibilização para este tema: gestão dos recursos humanos nas escolas como um aspeto importante da ação da gestão escolar e que apesar de algumas limitações na ação dos gestores em áreas fundamentais como o recrutamento e seleção ou políticas de remuneração, é possível gerir em áreas não menos importantes e estratégicas para a organização como a comunicação e gestão de carreiras, ou a formação.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/17057
Aparece nas colecções:FCH - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Final.pdf2,41 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.