Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/16880
Título: Customer segmentation in Retail Banking Industry : why Retail Banks should implement data mining techniques?
Autor: Baptista, Eduarda Montalvão
Orientador: Xavier, Rute
Data de Defesa: 8-Nov-2014
Resumo: One of the most methodologies tool companies have to assure customer satisfaction and loyalty is customer segmentation. The purpose of this research is to explain what may be the most appropriate method to segment retail banking customers and how it can be implemented. Although demographic data is still the most commonly characteristics analysed by retail banks, behavioural segmentation as proved to achieve better results as it takes into account the heterogeneous patterns of services usage and consumption among individuals with the same age and income. Nevertheless, retail banks are the organizations by excellence mostly capable to apply this method, as it operates in the sector of activity with more organized and complete information about customers. Not only are known the consumption patterns as well as banks have access to information about customers’ income and attitudes towards investment and saving products. A comprehensive analysis was perform to assess the current state of the art of transaction processing system in Portugal, its operational model and how financial information could be collected. Given the extensive portions of data available, it was identified a technological solution to assist the information treatment. Data mining strategic implementation plan was drawn and this dissertation also assesses all the advantages of its integration by retail banks.
Uma das melhores ferramentas que as empresas possuem para garantir a satisfação e fidelização dos clientes é a segmentação. Esta dissertação tem como principal objetivo explicar qual o método mais apropriado para segmentar os clientes bancários e a como este poderá ser implementado. Embora os dados demográficos sejam ainda os mais utilizados pelos bancos, a segmentação comportamental tem demonstrado melhores resultados, uma vez que tem em consideração a heterogeneidade nos padrões utilização de serviços e de consumo entre indivíduos com a mesma idade e rendimento. Ainda assim, os bancos são as organizações por excelência com maior capacidade para aplicar este método, uma vez que atuam no setor de atividade com maior quantidade e mais completa informação sobre os seus clientes. Os bancos não só conhecem os padrões de consumo, bem como têm acesso a informações sobre rendimento e atitudes em relação a produtos de investimento e poupança. Foi realizada uma análise abrangente sobre a situação atual do sistema de processamento de transações em Portugal, o seu modelo operacional e de como a informação financeira pode se encontra disponível. Dado o grande volume de informação financeira, foi identificada uma solução tecnológica para auxiliar no tratamento da informação. Foi estabelecido um plano estratégico de implementação das técnicas de data mining e esta dissertação avalia também as vantagens da sua integração pelos bancos.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/16880
Aparece nas colecções:FCEE - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Thesis_Eduarda Montalvão.pdf1,34 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.