Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/16842
Título: Condi : from spices to powder desserts
Autor: Rocha, Sofia da Silva
Orientador: Pires, João Paulo Simão
Palavras-chave: Powder desserts
Mass retailers
Differentiation
Private labels
International expansion
Sobremesas em pó
Grandes retalhistas
Diferenciação
Marcas próprias
Expansão internacional
Data de Defesa: 14-Jul-2014
Resumo: Condi is an established Portuguese brand in the powder dessert category, with a twenty-year history. It offers a portfolio comprising many product categories and overall the company produces and imports around 500 different product references. Condi has been focusing on differentiating the flavours and creating a product portfolio that best fits the needs of retailers and consumers. This case study presents an overview of the company as well as an analysis of the consumer trends and the powder dessert industry in Portugal. On the one hand, it is an industry where there are opportunities to innovate in new products in specific categories. On the other hand, the economic instability in the country, the power of multinational brands and the rise of a few private labels may compromise Condi’s performance and growth in its domestic market. The purpose of this case is to give the information necessary so that the reader may be able to make a decision about the path the company should take in the near future, within three possible choices. Firstly, it has been diversifying its product portfolio but focusing in one particular category, the powder mix for desserts. Should it continue this strategy or should it prioritize other categories? Secondly, should the company focus on increasing its market share within the main retailers? Finally, should Condi’s priority be the internationalization, investing in a more committed international mode (considering it exports since 1992) and/or extending the sale to other foreign markets?
A Condi é uma marca Portuguesa estabelecida na categoria de sobremesas em pó, com vinte anos de história. Oferece um portfolio que inclui muitas categorias e, no geral, produz e importa cerca de 500 referências de produtos. A Condi tem vindo a apostar na diferenciação de sabores e na criação de um portfolio de produtos que melhor se adapta às necessidades dos retalhistas e consumidores. Este estudo de caso apresenta uma visão geral da empresa, bem como uma análise das tendências de consumo e da indústria de sobremesas em pó em Portugal. Por um lado, este é um sector onde existem oportunidades de inovação em novos produtos de categorias específicas. Por outro lado, a instabilidade económica no país, o poder das marcas multinacionais e o surgimento de algumas marcas próprias podem comprometer o desempenho e crescimento da Condi no mercado interno. O objectivo do caso é dar as informações necessárias para que o leitor seja capaz de tomar uma decisão sobre o caminho que a empresa deve escolher no futuro, entre três possíveis escolhas. Primeiro, a empresa tem vindo a diversificar o seu portfolio de produtos, mas tem-se focado numa categoria específica, as misturas em pó para sobremesas. A empresa deve continuar esta estratégia ou deve priorizar outras categorias? Segundo, a empresa deve concentrar-se em aumentar a sua participação nos principais retalhistas? Finalmente, a internacionalização deve ser a prioridade da Condi, investindo noutros modos de expansão (considerando que exporta desde 1992) e/ou estendendo a venda para outros mercados estrangeiros?
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/16842
Aparece nas colecções:FCEE - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Thesis (Sofia Rocha).pdf1,22 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.