Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/16262
Título: A fala e o gesto : o papel do terapeuta da fala nos diferentes graus de surdez
Autor: Matos, Tânia Raquel Durães de
Orientador: Baptista, José Afonso
Palavras-chave: Graus de surdez
Educação Especial
Escolas de Referência para a Educação Bilingue de Alunos Surdos
Terapia da Fala
Intervenção
Degrees of hearing loss
Special Education
Reference Schools for the Bilingual Education of Deaf Students
Speech Therapy
Intervention
Data de Defesa: 22-Mar-2014
Resumo: A presente dissertação de mestrado pretendeu encontrar respostas para a questão de investigação delineada: Qual o papel dos terapeutas da fala nos diferentes graus de surdez (ligeira, moderada, severa, profunda)? Para se responder a esta questão, seguiu-se um estudo quantitativo e descritivo, cujos dados foram recolhidos através de um inquérito por questionário, numa amostra de 12 Terapeutas da Fala, de Agrupamentos e Escolas Secundárias de Referência para o Ensino Bilingue de Alunos Surdos do país. Os dados empíricos permitiram concluir que não se confirmou a primeira hipótese de investigação, uma vez que, na surdez ligeira, por norma, é imprescindível a correção da perturbação articulatória existente, caracterizada pela distorção de certos fonemas. Estes alunos têm a linguagem alterada, designadamente a fonologia e a morfossintaxe. No caso dos alunos surdos profundos, a terapia da fala é indispensável, aceitando-se, deste modo, a segunda hipótese levantada. Quanto à terceira hipótese, a mesma foi confirmada, tendo subjacente a importância do papel do Terapeuta da Fala. Ainda que a sua intervenção seja mais relevante nuns casos do que noutros, todavia, é sempre fundamental para a reabilitação destes alunos.
This dissertation aims to find answers to the outlined research question: What is the role of speech therapists in the different degrees of hearing loss (mild, moderate, severe, profound)? In order to answer this question, a quantitative and descriptive study was carried out, in which data was collected through a questionnaire made available to 12 Speech Therapists, Reference School Clusters and Secondary Schools for the Bilingual Education of Deaf Students in the country. Empirical data concluded that the first research hypothesis was not confirmed because in mild deafness, most of the times, it is essential to correct the existing articulation disorder, characterized by the distortion of certain phonemes. These students experience changes in speech, particularly in phonology and morphosyntax. In the case of profoundly deaf students, speech therapy is essential and therefore, the second raised hypothesis is acceptable. The third hypothesis was confirmed, underlying the important role of the Speech Therapist. Although the Speech Therapist’s intervention is more relevant in some cases, it is always crucial to the rehabilitation of these students.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/16262
Aparece nas colecções:FEP - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação de Mestrado Final Tânia.pdf958,88 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.