Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/15900
Título: A influência dos contextos sociocultural e institucional na didáctica instrumental : a Escola Profissional de Música de Espinho : estudo de caso
Autor: Pinho, Jonas Tiago da Silva Pereira de
Orientador: Fonseca, Sofia Lourenço da
Data de Defesa: 30-Mai-2014
Resumo: O professor de instrumento, enquanto condutor de um processo ensino-aprendizagem de futuros instrumentistas da área musical, reúne em si mesmo uma multiplicidade de experiências e conhecimentos que procura transmitir eficazmente ao seu aluno, de forma a que este desenvolva uma base de valências, necessária à sua afirmação enquanto executante. Tal fenómeno decorre tradicionalmente no espaço de uma sala de aula, mas a construção de tal savoir-faire, para o docente, estrutura-se a partir do universo muito mais abrangente definido pelo percurso do mesmo enquanto aluno, enquanto músico, e também influenciado pela instituição em que desenvolve a sua prática profissional. Este trabalho procura dar um contributo em língua portuguesa sobre a didática instrumental e todos os fatores que a influenciam, tendo consciência que a principal literatura crítica só inclui estudos e/ou manuais pedagógicos sobre os primeiros estágios de formação musical. Assumindo esta lacuna também como motivação principal do presente trabalho, partiu-se dos resultados de um estudo de caso numa escola profissional de música, em Portugal. A reflexão sobre as principais linhas de orientações didáticas era assim emergente, investigando o modo como essas linhas são “curvadas” ou “endireitadas” por factores de influência, nomeadamente socioculturais e institucionais, os quais, dissimuladamente, mas decididamente, ao longo da história da “aula de instrumento”, têm direcionado não só o que o docente ensina, mas como o ensina.
The music instrument teacher, as the conductor of a teaching-learningprocess for future musicians, gathers in himself/herself a multiplicity of experiences and knowledge that one’s seeks to convey effectively to each student, in such a way that they will develop the basis of skills, necessary to one’s affirmation as a performer. Such teaching phenomena traditionally occurs in the space of a classroom, but the construction of such savoir-faire, for the teacher, builds itself from a much wider universe, defined by the teacher’s own path as a student, as a musician, and also influenced by the institution where one practices one’s teaching profession. This research pursues to be a contribution in Portuguese about instrumental teaching, and all the factors that influence it, while being conscious that the existing scientific literature, focus on pedagogical manuals/studies about the early stages of musical training. Assuming this gap also as primary motivation for the present essay, one started from the results of a case study at a professional music school in Portugal. The reflexion about the main outlines of teaching orientation was thus, emergent, in that, one could investigate how these outlines where “bent” or “straightened ” by factors of influence, namely the sociocultural and institutional factors, which covertly but decisively, throughout history, have directed not only what each teacher teaches, but how one does it.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/15900
Aparece nas colecções:EA - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A Didática Instrumental_Jonas Pinho.pdf4,19 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.