Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/15877
Título: Análise estratégica da indústria de veículos pesados de mercadorias em Portugal
Autor: Paixão, João Ricardo Azeredo Lopes de Moura
Orientador: Franco, Raquel Campos
Palavras-chave: Indústria
Produto
Serviço
Distribuição
Preço
Comunicação
Estratégia
Recursos
Competências
Vantagem Competitiva
Industry
Product
Service
Distribution
Price
Communication
Strategy
Resources
Competences
Competitive Advantage
Data de Defesa: 8-Mar-2013
Resumo: Este relatório foi construído com o principal objectivo de identificar, caracterizar e analisar o estado actual da indústria de veículos pesados de mercadorias em Portugal, de modo a que esta informação possa servir de ferramenta para o auxílio à tomada de decisão da Auto Sueco Portugal. A estrutura deste documento começa com um primeiro capítulo de Revisão Bibliográfica, que serve de base teórica para a elaboração da Análise da Macroenvolvente e da Indústria (capítulo 2), Análise da Rivalidade (capítulo 3), Análise Interna (capítulo 4) e Sugestões Estratégicas (capítulo 5). Em paralelo com a realização deste documento, foi ainda construído um modelo em excel para geração automática de dados sobre quotas de mercado, ferramenta de grande valor prático que foi posteriormente implementada na empresa. As diferentes análises incluídas neste relatório, baseadas no contributo de trabalhos de diversos autores na área da gestão, como Michael Porter (1979, 1980, 1985, 1998) e Jay Barney (1991), permitiram chegar à conclusão de que a indústria nacional de veículos pesados de mercadorias é uma indústria pouco atractiva e que as fontes de vantagem competitiva da Auto Sueco Portugal no passado têm vindo a perder relevância. O impacto das forças da macroenvolvente e da indústria alteraram a lógica competitiva, agora desfavorável a uma marca como a Volvo em Portugal, principalmente ao nível do produto. Também a ameaça de entrada de produtos substitutos e a ameaça cada vez maior de entrada no mercado dos concorrentes potenciais como as marcas asiáticas, tornam esta indústria ainda menos atractiva. Todas estas forças combinadas têm, nos últimos anos, contribuído para uma diminuição nas vendas e consequentemente na quota de mercado da Auto Sueco Portugal. Por um lado, para fazer face a esta indústria madura e às mudanças das preferências dos consumidores, a Auto Sueco Portugal poderia procurar investir mais na diferenciação ao nível dos serviços pós-venda e mais especificamente ao nível do financiamento. Também ao nível da comunicação ainda existe espaço para investimento a nível nacional. Por outro lado, a empresa poderia apostar mais a nível interno, ao implementar um Sistema de Informação de Marketing, que lhe permita uma monitorização constante e estruturada das preferências e comportamento dos consumidores e do mercado. Através deste a organização poderá interligar mais o departamento de marketing e as vendas no sentido de obter feedback importante do exterior da empresa e planear a execução de medidas de acção sustentadas.
This report was created with the main objective of identifying, characterizing and analyzing the current state of the industry of heavy commercial vehicles in Portugal, so that this information can serve as a tool to aid the decision-making process at Auto Sueco Portugal. The structure of this work begins with a first chapter of Literature Review, which serves as the theoretical basis for the development of the Macro Environment ans Industry Analysis (chapter 2), Rivalry Analysis (chapter 3), Internal Analysis (chapter 4) and Strategic Suggestions (chapter 5). Alongside with the implementation of this document, it was also created an excel model for automatic generation of market shares data. A valuable practical tool that was later implemented in the company. The different analyzes included in this report, based on the input given from the work of various authors in the area of management, such as Michael Porter (1979, 1980, 1985, 1998) and Jay Barney (1991), made it clear that the domestic industry of heavy commercial vehicles is an unattractive industry and that the sources of competitive advantage of Auto Sueco have been losing relevance over the past few years. The impact of the macro environment forces and industry forces make the rivalry even more intense, mainly at the level of the product. Also the threat of entry of substitute products and the growing threat of market entry of potential competitors, as are Asian brands, make this industry even less attractive. The combination of all these forces has contributed to a considerable decrease in sales and consequently market share of the Auto Sueco Portugal. On the one hand, to cope with this mature industry and changes in consumer preferences, Auto Sueco Portugal should invest more in differentiation at the level of after-sales services and more specifically the level of financing services. At the level of communication there is also still room for investment at the domestic level. Moreover, the company could invest more internally, by implementing a Marketing Information System that could make constant and organized monitoring on the behavior and preferences of the consumers and the market. Through it, the organization could bring together the marketing and the sales department in order to get important feedback from outside the company and plan the implementation of sustained strategies.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/15877
Aparece nas colecções:FEG - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Relatório de Estágio - João Paixão.pdf2,42 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.