Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/15522
Título: Avaliação do estado periodontal dos dentes pilares em prótese removível
Autor: Lobo, Fábio Daniel da Silva
Orientador: Correia, André
Marques, Tiago
Palavras-chave: Prótese parcial removível
dentes pilares
doença periodontal
perda de dentes
mobilidade dentária
removable partial denture
dental abutments
periodontal diseases
tooth loss
tooth mobility
Data de Defesa: Jun-2014
Resumo: INTRODUÇÃO: A prótese parcial removível é uma das opções de tratamento a considerar na reabilitação oral de espaços desdentados com recurso a prótese dentária, sempre que bem planeada e desenhada.Quando o desenho e o planeamento da prótese parcial removível não são apropriados ao caso a reabilitar, existe um risco aumentado de doença periodontal e lesões de cárie nos dentes pilares, bem como uma diminuição da tolerância e aceitação do paciente para o uso da prótese, que em última análise podem provocar a falha da reabilitação protética. OBJECTIVOS: Deste modo definiu-se como objetivo principal deste estudo avaliar se o uso de prótese parcial removível tem influência no estado periodontal dos dentes pilares quando em comparação com o estado periodontal dos dentes não pilares. MATERIAL E MÉTODOS: Efetuou-se um estudo do tipo observacional, transversal, desenvolvido com base numa amostra de pacientes reabilitados com prótese parcial removível, entre os anos de 2010 e 2013 na Clínica Universitária da Universidade Católica Portuguesa. Foi efetuado um questionário e um exame clínico que permitiu recolher dados referentes às variáveis analisadas neste estudo: profundidade de sondagem, recessão gengival, índice de placa, mobilidade e índice gengival. Os dados recolhidos foram sujeitos a uma análise estatística descritiva e inferencial (nível de significância de 0,05), com recurso ao programa IBM SPSS® Statistics v21.0.0 (Software Estatistical Package for the Social Science). RESULTADOS: Dos 145 pacientes contactados via telefone, aderiram à consulta de controlo 54 pacientes (37,2 %) com uma média de idades de 59,09±11,12. O tipo de desdentação mais prevalente foi a Classe III de Kennedy na arcada superior e a Classe I na arcada inferior. A grande maioria dos pacientes usava a prótese apenas durante o dia. Verificou-se que os dentes pilares apresentavam valores mais elevados em todas as variáveis periodontais analisadas, sendo ainda possível aferir que os ganchos oclusais apresentavam piores resultados em relação aos ganchos de aproximação gengival. CONCLUSÃO: Os dentes pilares com gancho oclusal apresentam piores valores periodontais quando comparados com os ganchos de aproximação gengival e com os dentes não pilares. É fundamental que se estabeleça um plano de consultas de controlo na área da periodontologia e da prótese removível após a colocação da prótese, de forma a manter a saúde periodontal dos tecidos de suporte.
INTRODUCTION: A partial denture is one of the treatment options to consider in oral rehabilitation of edentulous spaces with the use of dental prosthesis if well planned and designed. When the design and planning of partial dentures are not appropriate to rehabilitate the case, there is an increased risk of periodontal disease and caries in the abutment teeth, as well as a decrease in tolerance and patient acceptance for the use of the prosthesis, which ultimately may lead to failure of the prosthetic rehabilitation. PURPOSE: Therefore was defined as the primary objective of this study evaluate if the use of removable partial denture has an influence on periodontal status of abutment teeth when compared with the periodontal status of non- abutment teeth. MATERIAL AND METHODS: We conducted a study of observational and cross type, developed with the base on a sample of patients rehabilitated with removable partial dentures, between the years 2010 and 2013 in the University Clinic of the Catholic University. A questionnaire and a clinical examination, that made possible the collection of data of the variables analyzed in this study, was performed: Probing depth, gingival recession, plaque index, gingival index and mobility:. The data collected were subjected to a descriptive and inferential statistical analysis (significance level of 0.05), using IBM ® SPSS Statistics v21.0. program. (Software Estatistical Package for the Social Science). RESULTS: Of the 145 patients contacted by telephone, 54 joined the follow up appointment requested, with a mean age of 59,09 ± 11,12. The most frequent partial edentulous type was Kennedy Class III in the upper arch and Kennedy Class I in the lower arch. Most of the patients used the prosthesis only during the day. It was found that the abutment teeth had higher values in all periodontal variables, being also possible verify that the occlusal clasps showed worse outcomes in relation to gingival clasps. CONCLUSION: The abutment teeth with occlusal hook have worse periodontal values when compared with the hooks of gingival approach and with the non-abutment teeth. It is essential to establish a program of follow-up in the area of periodontology and removable prosthesis after placement of the prosthesis, to maintain periodontal health of the supporting tissues
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/15522
Aparece nas colecções:ICS(V) - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.