Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/15427
Título: FNAC Portugal in 2013 : How to react to the changes in the market?
Autor: Alexandre, Maria Ana Serrano Neves da Silva
Orientador: Guedes, Nuno Magalhães
Data de Defesa: 6-Jan-2014
Resumo: The markets are continuously changing and the markets of technological and cultural products are no exception. When FNAC opened its first store in Portugal, in 1998, the market was quite different from how it is nowadays. The client motivations as well as expectations have been drastically changing and the access to certain products is now easier than ever, especially due to the Internet. This Thesis exposes the recent policies of FNAC: the new product categories, the bet on multichannel strategy, the new store formats and the new business model. All these are part of FNAC new strategic plan – FNAC 2015. These new policies seem to be the right answer to the problems that emerged from the evolution of the markets where FNAC operates. The key markets for FNAC have been dropping in the last years and the clients’ profile has changed. At the same time that FNAC wants to overpass these challenges it wants to expand its business in Portugal. The company should not only look at the bright side of these new policies but also look at the possible negative outcomes and be prepared for them. These policies can have some disadvantages to the brand and it’s up to it to overcome them and become a stronger brand.
Os mercados estão continuamente a mudar e os mercados de produtos tecnológicos e culturais não exceção. Quando a FNAC abriu a sua primeira loja em Portugal, em 1998, o mercado era bastante diferente do que é hoje em dia. As motivações dos clientes e as suas expectativas têm mudado drasticamente e o acesso a determinados produtos é agora mais fácil do que nunca, especialmente devido à Internet. Esta tese expõe as recentes políticas da FNAC: as novas categorias de produto, a aposta na estratégia de multicanal, os novos formatos de loja e o novo modelo de negócio – que fazem parte do novo plano estratégico da FNAC: FNAC 2015. Estas novas políticas parecem ser a resposta correta para os problemas que surgiram da evolução dos mercados onde a FNAC opera. Estes mercados-chave para a FNAC têm caído nos últimos anos e o perfil de cliente mudou. Ao mesmo tempo que a FNAC quer ultrapassar estes desafios quer também expandir o seu negócio em Portugal. A empresa não deve olhar apenas para o lado positivo destas novas políticas mas deve também olhar para os possíveis resultados negativos e estar preparada para os mesmos. Estas novas políticas podem ter algumas desvantagens para a marca e cabe à FNAC ultrapassa-las e tornar-se uma marca mais forte.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/15427
Aparece nas colecções:FCEE - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
FNAC Portugal in 2013 How To React To The Changes In The Mar.pdf2,74 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.