Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/15378
Título: ISA’s technology reaches the Middle East : when intelligent senses are needed anywhere
Autor: Delgado, Mafalda Garcia
Orientador: Guedes, Nuno Magalhães
201103281
Palavras-chave: ISA
SME
Middle East
Strategic Alliances
IJV
TR&D
PME
Médio Oriente
Alianças Estratégicas
I&DT
Data de Defesa: 14-Fev-2014
Resumo: In the end of 2012, ISA – Intelligent Sensing Anywhere, a Portuguese technological-based company in the oil & gas and energy telemetry business which had started the operations of its International Joint Venture (IJV) in Cairo in the beginning of the year, was facing the tough decision on whether it should divest on the IJV. Although the partnership was stable and the first implemented pilot projects had been a success, Egypt was living a social and political crisis since 2011. This crisis had been recently aggravated with the election of President Mohammed Morsi with 51% of the votes, in a straight division of the country between Islamist governance and the moderate Muslims, Christians and liberals. Underlying ISA’s concerns were the security of its members, the decrease in investment regarding national projects, ISA’s future success in the North Africa and Middle East regions and the best interests of its stakeholders. The dilemma on whether the firm should go on with its IJV is therefore the central issue of this dissertation. In addition to the Case Study, this dissertation includes a Literature Review which provides the theoretical grounds for the proceeding analysis on the Teaching Note, exploring issues such as technological R&D, International Negotiation, Strategic Alliances and Sustainability in a SMEs internationalization context.
No fim de 2012, a ISA – Intelligent Sensing Anywhere, uma empresa portuguesa de telemetria cujas operações no mercado egípcio começaram através de uma International Joint Venture (IJV) no início do ano, deparava-se com a difícil decisão de continuar ou não no mercado. Embora a parceria fosse estável até então e a implementação dos projetos piloto tivessem sido um sucesso, o Egipto encontrava-se numa crise politica e social desde 2011. Esta situação foi recentemente agravada com a eleição do presidente Mohammed Morsi com 51% dos votos, dividindo o país entre uma governança Islâmica e os muçulmanos moderados, cristãos e liberais. Subjacentes às preocupações da ISA estavam a segurança dos seus trabalhadores, a diminuição do investimento no que toca a projetos no país, o potencial sucesso da ISA nos mercados do Norte de África e do Médio Oriente e os interesses dos seus stakeholders. O dilema sobre se a empresa deve ou não manter a IJV é, portanto, a questão fulcral desta tese. Além de incluir um Estudo de Caso, esta tese inclui uma revisão de literatura que fornece as bases teóricas para a análise posterior no capítulo da Teaching Note, explorando questões como a Investigação e Desenvolvimento (I&D) tecnológicos, Negociação Internacional, Alianças Estratégicas e Sustentabilidade num contexto de internacionalização das PME portuguesas.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/15378
Aparece nas colecções:FCEE - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
ISA’s technology reaches the Middle East - When Intelligent .pdf2,24 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.