Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/15223
Título: Determinantes da satisfação conjugal : felicidade, bem-estar subjetivo, personalidade e satisfação sexual
Autor: Carvalho, Tânia Alexandra Martins
Orientador: Costa, Eleonora Cunha Veiga
Palavras-chave: Casamento
Satisfação Conjugal
Felicidade
Bem-estar subjectivo
Personalidade
Satisfação Sexual
Marriage
Marital Satisfaction
Happiness
Subjective well-being
Personality
Sexual Satisfaction
Data de Defesa: 10-Abr-2014
Resumo: Sendo uma necessidade fundamental do Homem na vida adulta, o casamento é considerado um investimento afetivo e emocional entre duas pessoas. Este estudo teve como objetivo verificar a associação existente entre a satisfação conjugal e alguns determinantes da mesma, como a felicidade, o bem-estar subjetivo, a personalidade e a satisfação sexual. Trata-se de um estudo quantitativo correlacional a uma amostra constituída por 136 adultos. Foram utilizados como instrumentos de avaliação o Questionário Sociodemográfico, a Escala de Avaliação da Satisfação em Áreas da Vida Conjugal (EASAVIC), o Índice de Bem-estar Pessoal (IBP), a Escala Sobre a Felicidade e o Inventário da Personalidade NEO-FFI. Os principais resultados revelam que os indivíduos mais felizes apresentam-se mais satisfeitos em áreas da vida conjugal, como nas relações extrafamiliares, continuidade da relação, comunicação e gestão de conflitos, sentimentos e expressão dos mesmos, sexualidade e intimidade emocional. Verificamos, também, que o bem-estar subjetivo está associado ao modo como os indivíduos geram os conflitos, a uma melhor comunicação e uma maior intimidade emocional. Porém, não se encontra associado às funções familiares e aos tempos livres. A satisfação sexual encontra-se fortemente associada à satisfação conjugal, sendo a variável que maior associação apresenta. Por outro lado, não parecem existir diferenças significativas de género relativamente à satisfação conjugal, ao grau de felicidade, ao bem-estar subjectivo, à personalidade e à satisfação sexual.
Being a fundamental need of man in adulthood, marriage is considered an affective and emotional investment between two people. This study aimed to investigate the association between marital satisfaction and some determinants of the same, as happiness, subjective well-being, personality and sexual satisfaction. This is a quantitative correlation to a sample of 136 adults. Were used as instruments to assess the Sociodemographic Questionnaire, the Rating Scale Areas of Life Satisfaction in Marriage, the Index Wellness Personal, the Scale About Happiness and the Personality Inventory NEO-FFI. The main results reveal that individuals have happier more satisfied in areas of marital life, as in extra-familial relationships, continuity of relationship, communication and conflict management, feelings and their expression, sexuality and emotional intimacy. We also verified that the subjective well-being is associated with how individuals generate conflict, better communication and greater emotional intimacy. However, is not associated with family roles and leisure. Sexual satisfaction is strongly associated with marital satisfaction, and the variable that has the greatest association. On the other hand, there appear to be significant gender differences regarding marital satisfaction, the degree of happiness, subjective well-being, personality and sexual satisfaction.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/15223
Aparece nas colecções:FF - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Tânia.pdf1,97 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.