Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/15088
Título: Trabalho, igualdade e inclusividade na pós-modernidade
Autor: Duque, Eduardo
Calheiros, António
Palavras-chave: Modernidade
Pós-modernidade
Trabalho
Igualdade
Inclusividade
Modernity
Post modernity
Work
Equality
Inclusiveness
Data: 2011
Editora: Aletheia
Relatório da Série N.º: ;15
Resumo: Com o presente artigo pretende-se reflectir sobre a relação existente entre o trabalho, a utopia da igualdade e a inclusividade. Esta reflexão, porém, terá de ser enquadrada no contexto histórico e conceptual que estruturou e a ajuda a explicar. Pretende-se uma abordagem analítica que cruze diacronicamente os valores da pós modernidade e as actuais práticas do mundo laboral. Chega-se à conclusão de que a relação atrás referida está profundamente eivada pelos valores da pós-modernidade. O interesse e o discurso ideológico criam narrativas pretensamente fortes e coesas, mas, porque estruturadas numa cultura fragmentada, estão sujeitas à desconstrução e às metanarrativas. A pesquisa aqui realizada explica a “inevitabilidade” do passado, enfatizando as opções e os percursos escolhidos, e denuncia as práticas do presente, tomando como referência os horizontes da cidadania e a aposta na sociedade do conhecimento como a panaceia para a inclusividade. Trata-se de um discurso desfasado da realidade e que está longe de colocar o serhumano no centro das preocupações políticas.
The present article aims to reflect on the relationship between work, the utopia of equality and inclusiveness. This reflection, however, must be framed within the historical and conceptual context that structures and helps to explain it. Our aim is to do an analytical approach that crosses diachronic values of post-modernity and the current practices of working life. We come to the conclusion that the aforementioned relationship is deeply tinged by the values of post modernity. The interest and the ideological discourse supposedly create strong and cohesive narratives, that are structured as a fragmented culture and that are subjected to the deconstruction and to the metanarratives. This research explains the “inevitability” of the past, emphasizing options and routes chosen, and denounces the practices of the present, taking as a reference the horizons of citizenship and commitment to the knowledge society as the panacea tor inclusiveness. It is a discourse divorced from reality and that is tar from putting the individual at the center of political attention.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/15088
Aparece nas colecções:FCS - Artigos em revistas nacionais com Arbitragem / Papers in national journals with Peer-review

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Trabalho, igualdade e inclusividade na pós-modernidade.pdf3,31 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.