Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/14062
Título: Ensino e aprendizagem da escrita : EOPAVO(S)! : contributos da utilização de um código de apoio à revisão para o desenvolvimento de competências
Autor: Barbosa, Isabel Manuela de Sousa
Orientador: Duarte, Isabel Margarida
Palavras-chave: Ensino e Aprendizagem da Escrita (metodologias e práticas)
Erros: tipologias e aproveitamentos didáticos
Revisão
Código de Correção
Revisão e Aperfeiçoamento
Estratégias de Facilitação Processual
Learning and Teaching of Writing (procedures and practices)
Errors: typologies and didactic purposes
Revision
Correction, revision and refinement Writing Code
Strategies for Facilitating the Writing Procedure
Data de Defesa: 2014
Resumo: Esta investigação tem por finalidade avaliar a eficácia da aplicação de um código de apoio à revisão (CAR) e demonstrar a utilidade do estudo aprofundado dos erros e dificuldades de escrita com vista à promoção, em contexto educativo/formativo, da competência de escrita. Para tal, utilizou-se uma metodologia mista, isto é, uma articulação entre técnicas quantitativas (dois inquéritos, um a professores e outro a alunos) e qualitativas (análise de um corpus de registos escritos, seis entrevistas, observação direta, registos num diário de bordo,…) de recolha de dados, às quais se adicionaram ainda modalidades de inquirição de tipo experimental (exercícios de revisão e aperfeiçoamento de dois textos com e sem o suporte do CAR). De acordo com os resultados dos inquéritos e das entrevistas faltam ainda, na Escola, práticas mais diversificadas, participadas e interativas de promoção da competência da escrita e é necessário que a revisão assuma, por parte de professores e alunos, um caráter metódico e sistemático. Verificou-se que o tratamento e análise de um corpus de registos escritos e a correção e revisão classificatórias (que informam sobre o tipo de erros e aspetos a aperfeiçoar) possibilitam ao professor o reconhecimento das áreas problemáticas da escrita e a adequação de estratégias e facilitam aos alunos a identificação dos tipos de erros produzidos, conduzindo à sua superação. Os resultados obtidos através da realização do plano quase-experimental indicam que é significativa a evolução positiva que a introdução do CAR gera ao nível do aperfeiçoamento da escrita, fornecem indícios muito relevantes de que a sua utilização é vantajosa para os alunos, enquanto modo de facilitação processual e enquanto veículo de reforço de autonomia na identificação dos erros e na mobilização de procedimentos de autocorreção e edição. Adicionalmente, para os alunos intervenientes neste estudo, foi unânime a opinião segundo a qual a utilização de um instrumento como o CAR facilita a revisão e reescrita de textos.
This research aims at evaluating the effectiveness of implementing a Code that Assists Revision (CAR) and demonstrates the usefulness of in-depth study of the errors and difficulties of writing in order to promote, in the educational/training context, skills of writing. In order to assess the kind of information needed, we used a mixed methodology, i.e, a conjunction between quantitative (two surveys, one for teachers and one for students) and qualitative (analysis of one corpus of written records, six interviews, direct observation, a diary board, ...) techniques to collect data, to which were added experimental procedures (revision and improvement of two texts with and without the support of CAR). According to the results of surveys and interviews, Schools should have more diverse, participatory and interactive ways to improve the writing skills and revision should also assume, by teachers and students, a methodical and systematic practice. The results also show that the analysis of a corpus of written records and that the classificatory correction and revision (that informs about the type of error or other issues that need to be improved) enable teacher to recognize the problematic areas of writing and to adequate strategies to solve them, as well as allow students to identify the types of errors produced, leading at overcoming them. The results obtained by the quasi-experimental procedure indicate that the introduction of CAR produces a positive and significant evolution at improving writing competence (quite clear when we observe the results obtained in the experimental groups compared with control groups), provide evidence that its use is very relevant and advantageous for students as a way of facilitating the writing process and as a vehicle for reinforcing autonomy (in identifying spelling and other mistakes) and for mobilization self-correction and editing procedures. Additionally, to the students involved in this study, it was unanimous that the use of an instrument such as CAR facilitates text revision and rewriting.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/14062
Aparece nas colecções:R - Teses de Doutoramento / Doctoral Theses
FEP - Teses de Doutoramento / Doctoral Theses

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese DCE Isabel Barbosa jan13.pdf5,55 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.