Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/13790
Título: Avaliação da reabilitação protética numa amostra de idosos institucionalizados
Autor: Cunha, Joana Patrícia Martins
Orientador: Leitão, Jorge Galvão Martins
Veiga, Nélio Jorge
Palavras-chave: Edentulismo
próteses dentárias
idoso
epidemiologia
institucionalização
Edentulism
dental prosthesis
elderly
institutionalization
Data de Defesa: 12-Jul-2013
Resumo: Introdução: O edentulismo, definido como a perda de dentes, e as suas consequências continuam a ser uma realidade na população geriátrica institucionalizada. O aumento do número de dentes perdidos pode comprometer a saúde geral do indivíduo. Características peculiares da população geriátrica muitas vezes limitam as opções de tratamento de reabilitação oral às próteses removíveis. Não obstante, a maioria dos idosos não são devidamente informados quanto aos cuidados necessários na utilização de próteses. Metodologia: Realizámos um estudo epidemiológico observacional transversal em idosos institucionalizados, em que avaliámos uma amostra de 445 indivíduos com idade média de 82,27±8,46 anos. 70,1% dos indivíduos pertenciam ao género feminino e 29,9% ao género masculino. O principal objectivo foi avaliar as características e condições da reabilitação oral, através da observação intra-oral e do preenchimento de um questionário. Resultados: No nosso estudo, em média, encontrámos um Índice de CPOD de 26,31 ± 3,79, com predomínio do número de dentes perdidos. Observámos diferenças estatisticamente significativas entre o número de dentes perdidos e o género feminino (p=0,002), entre a frequência de higienização das próteses e a presença de restos alimentares existentes nas mesmas (p=0,022). O edentulismo tipo I de Kennedy foi o mais prevalente em ambos os maxilares. Encontrámos maior prevalência de edêntulos parciais sem próteses, 38,7% na maxila e 42% na mandíbula. Existe uma considerável percentagem de participantes que utilizam a mesma prótese há mais de 20 anos. De um modo geral, os idosos encontram-se muito satisfeitos com as suas próteses. As próteses maxilares apresentam boa estabilidade e retenção, e o inverso se verifica nas mandibulares. Conclusões: Ainda que sejam necessários mais estudos, com amostras mais representativas e probabilísticas, verificámos que os idosos institucionalizados apresentam grandes carências de informação sobre saúde oral e higiene protética.
Introduction: Edentulism, defined as tooth mortality, and its consequences remain a reality in institutionalized geriatric population. The tooth loss may compromise individual's health. Geriatric population’s characteristics often limit the treatment options for oral rehabilitation with removable dentures. In addition, most of the elderly are not adequately informed about proper care of their prosthesis. Methods: An epidemiological observational cross-sectional study in a populational sample of institutionalized elderly, in which we evaluated a sample of 445 individuals with a mean age of 82.27 ± 8.46 years, 70.1% female and 29.9% male. This study was designed to evaluate the prosthetic rehabilitation, through intra-oral observation and a questionnaire. Results: The DMFT index of the population was 26.31 ± 3.79, with predominance on the number of missing teeth. There were statistically significant differences between number of missing teeth and female gender (p = 0.002) and between frequency of prosthesis cleaning and presence of plaque (p= 0.022). A higher prevalence of Kennedy Class I was observed in both the upper and lower jaw. A higher prevalence of partial edentulous patients without dentures was observed, both in the maxilla (38.7%) and the mandible (42.0%). A significant percentage of participants had been using the same dentures for over 20 years. In general, the elderly are quite satisfied with their dentures. Good stability and retention were observed in the upper prosthesis whilst the opposite was seen in the lower dentures. In general, the elderly are quite satisfied with their dentures. Conclusions: Although further studies are needed, with more representative and probable samples, we noted a lack of information on oral health care and prosthesis hygiene in regard to the institutionalized elderly.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/13790
Aparece nas colecções:R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
DCSV - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Monografia Joana Cunha.pdf1,37 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.