Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/13667
Título: Estudo piloto : comparação da avaliação estética facial entre leigos, estudantes e profissionais de medicina dentária
Autor: Macedo, Sofia Félix
Orientador: Alves, Armindo
Pinto,Cláudia
Palavras-chave: estética facial
assimetria facial
perfil labial
altura facial inferior
proeminência mandibular
facial aesthetics
facial asymmetry
lip profile
lower facial height
mandible prominence
Data de Defesa: 12-Jul-2013
Resumo: Introdução: A estética facial é um fator preponderante no diagnóstico ortodôntico. No entanto, é difícil definir o objetivo do tratamento com base apenas no perfil estético, visto que não existe apenas um perfil facial considerado por toda a população como esteticamente atrativo, pois cada indivíduo tem o seu próprio conceito de beleza, que se relaciona com diversos fatores. Este estudo tem como objetivo a obtenção de dados específicos e atualizados, referentes à atratividade facial de indivíduos caucasianos de nacionalidade portuguesa. Pretende-se avaliar o impacto da proeminência mandibular, da assimetria facial, do perfil labial e da altura facial inferior, determinar o limiar em que se tornam clinicamente significativos e esteticamente relevantes e o impacto destas características por género e histórico de tratamento ortodôntico. Metodologia: Procedeu-se à manipulação de fotografias de um indivíduo do género masculino e um do género feminino, considerados esteticamente normais segundo os padrões correntes, alterando as características em estudo, com o intuito de criar um álbum com as fotografias organizadas aleatoriamente, que foi distribuído a 30 médicos dentistas, 30 estudantes de Medicina Dentária da UCP e 30 leigos, que avaliaram cada fotografia numa VAS de 100 mm. Resultados: Verificámos que o perfil facial escolhido como o mais atrativo foi o perfil padrão para ambos os géneros, sendo que a protrusão mandibular severa, a retrusão labial severa, a altura facial inferior diminuída extrema e a assimetria facial severa foram considerados como menos atrativos para ambos os géneros. Verificou-se que os leigos são menos críticos que os estudantes e profissionais de medicina dentária. Também se verificou a inexistência de diferença significativa da influência do histórico de tratamento ortodôntico e do género. Conclusões: A estética facial é um fator que interfere com a autoestima do paciente, acarretando implicações a vários níveis, sendo de grande interesse para o médico dentista comparar os critérios de avaliação da atratividade facial, permitindo uma melhor satisfação por parte do paciente, no que toca aos ideais do tratamento ortodôntico
Introduction: Facial aesthetics is an important factor for orthodontic diagnosis. However, it is difficult to define the goal of treatment only based on aesthetic profile, since there is not one only facial profile credited for the entire world population as aesthetically attractive, because each individual has his own concept of beauty, which is related to several factors. This study aims at obtaining specific and updated data, regarding facial attractiveness of Portuguese caucasians individuals. It is intended to assess the impact of mandibular prominence, facial asymmetry, lip profile and lower facial height, determine the threshold where they become clinically significant and aesthetically relevant to different groups, and the impact of these characteristics by gender and history of orthodontic treatment. Methods: We manipulate the photographs of a male and a female, aesthetically considered normal according to current standards, increasing and decreasing the features under study, with the aim of creating an album with randomly organized photos, which was distributed to 30 dentists, 30 dental students of UCP and 30 laypeople. Each one assessed each photograph in a 100 mm visual analog scale. Results: We found that the facial profile by the sample chosen as the most attractive was the straight profile for both genders, with severe mandibular protrusion, severe lip retrusion, severe lower facial height decreased and severe facial asymmetry were considered less attractive to both genders. It was found that the laypeople are less critical that students and dental professionals. It was also found that there was no significant difference in the influence of the history of orthodontic treatment and gender. Conclusions: The facial aesthetics is a factor that interferes with the patient's self-esteem, with implications at various levels, being of great interest to the dentist compare the evaluation criteria of facial attractiveness, in terms the satisfaction of the ideals of orthodontic treatment
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/13667
Aparece nas colecções:R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
DCSV - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
tese Sofia Macedo.pdf3,89 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.