Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/13567
Título: Diversidades (inter) culturais na prática clínica : estudo comparativo da relação médico paciente em Portugal e França na consulta privada de medicina dentária
Autor: Morais, Sandy Marques
Orientador: Capucho, Filomena
Palavras-chave: Comunicação em saúde
medicina dentária
relação médico-paciente
cultura
comunicação intercultural
Communication in health surroundings
dentistry
doctor- patient relationship
culture
intercultural communication
Data de Defesa: 18-Out-2013
Resumo: Tal como muitos outros profissionais, os médicos dentistas têm demonstrado uma vontade crescente de procurar novas oportunidades, exercendo a sua profissão fora do país de origem. Esta mobilidade progressiva torna necessário o conhecimento por parte dos médicos dentistas das diferenças (inter)-culturais na relação médico-paciente. A problemática subjacente ao tema de tese proposto leva-nos a reflectir sobre a existência de uma unidade cultural europeia na prática clinica, que ultrapassa as diversidades nacionais. Portugal e França poderão, pois, constituir exemplos possíveis dentro desta unidade. Através da observação de 40 consultas (amostra de 4 médicos dentistas – 2 franceses e 2 portugueses – e 10 consultas para cada médico), pretendemos verificar se as diversidades culturais próprias a cada país permanecem visíveis ao longo da consulta e se influenciam os aspectos socio-comunicacionais da prática clínica. Através da observação da abordagem linguística e comportamentalista do médico dentista e do paciente, determinamos as diferenças e semelhanças culturais na relação médico paciente em Portugal e em França. Da análise dos resultados, verificou-se a existência de semelhança linguística no discurso estabelecido entre médico e paciente, as diferenças culturais sendo mais visíveis na componente não verbal. Numa visão global, comprovou-se que os quatro médicos dentistas – independentemente da sua nacionalidade, género ou idade – demostraram-se competentes em estabelecer uma relação médico paciente eficiente. Nesta perspectiva, ultrapassam-se as culturas nacionais alcançando uma cultura profissional - a dos médicos dentistas. Conseguindo um consenso sobre a existência de uma unidade cultural europeia na prática clínica de Medicina Dentária para além de diversidades locais ou nacionais, pretendemos com este trabalho melhorar o conhecimento dos médicos dentistas e estudantes da área sobre a relevância da comunicação (inter)-cultural em saúde
Like many other professionals, dentists have shown an increasing willingness to seek new opportunities, exercising their profession outside their country of origin. This gradual mobility should compel them to be aware of (inter)-cultural differences in the doctor-patient relationship. The problem underlying the main topic of our work leads us to reflect on the existence of a European cultural unity in clinical practice, which goes beyond national diversities. Therefore, Portugal and France may be possible examples within this unity. By the observation of 40 consultations (sample of 4 dentists - 2 French and 2 Portuguese - 10 consultations for each doctor), our goal is to verify if the cultural features of each country remain visible throughout the consultation and influence the socio-communicational aspects of clinical practice. In this investigation, we will examine the cultural influence in health communication by observing the dentist’s and the patient´s linguistic and behavioural attitudes, and we will determine the cultural differences and similarities in the doctor-patient relationship between Portugal and France. Analysing the results, it was found that linguistic similarity in speech established between doctor and patient exists while the cultural differences are more visible in the non-verbal component. In an overall view, it was shown that the four dentists - regardless of nationality, gender or age - seemed competent to establish an efficient doctor-patient relationship. In this perspective, we overpass national cultures and reach a professional culture – the one of dentists. Having achieved a consensus on the existence of a European cultural unity in clinical practice of dentistry which goes beyond local and national diversities, we aim at improving the dentists’ and students’ knowledge about the relevance of (inter)-culture in health communication.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/13567
Aparece nas colecções:R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
DCSV - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação_MIMD_2013_Sandy_Morais.pdf2,17 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.