Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/13272
Título: Terrorismo e tecnologias : tecnologia numa dupla perspectiva ao serviço e contra o terrorismo
Autor: Liberal, Maria Oliveira Dá Mesquita
Orientador: Matias, Nuno Vieira
Data de Defesa: 5-Set-2012
Resumo: Os atentados do 11 de Setembro evidenciaram o carácter transnacional do terrorismo e alertaram as sociedades democráticas para um novo tipo de ameaça, colocando em perspectiva o potencial de letalidade e destruição que lhe é característico. O terrorismo transnacional é um produto dos desenvolvimentos tecnológicos das sociedades modernas. As tecnologias têm aumentado de forma exponencial as capacidades das organizações terroristas a todos os níveis, tornando-as significativamente mais difíceis de combater e erradicar. Entender a utilidade das tecnologias para os terroristas é uma questão fundamental, não só para compreender a ameaça que o terrorismo representa actualmente às democracias, mas principalmente, para perceber de que modo os Estados devem responder, tirando partido da superioridade tecnológica que possuem relativamente a este adversário. O objectivo desta dissertação é analisar uma dupla função das tecnologias para finalidades antagónicas: por um lado, a tecnologia como instrumento do terror, isto é o modo como a contínua adaptação dos grupos terroristas ao espectro tecnológico tem alterado a sua configuração, alcance e modus operandi, bem como a dimensão dos respectivos actos e violência; por outro lado, a tecnologia como instrumento de combate ao terror, ou seja, em que sentido esta pode contribuir para a eficácia e sucesso do Estado e de todos os seus elementos de acção na luta contra o terrorismo, no âmbito de uma estratégia multidisciplinar e multifacetada.
The attacks of September 11 highlighted the character of transnational terrorism and alerted democratic societies for a new type of threat by putting into perspective the potential of destruction and lethality that characterizes it. Transnational terrorism is a product of technological developments operated in modern societies. Technologies have enormously increased the capabilities terrorist organizations at all levels and, consequently these actors are today, much more difficult to defeat than ever. Understanding the role of technologies to terrorist organizations is a crucial subject, not only to comprehend the current threat of terrorism to democracies, but mainly to understand how democratic states ought to respond, by taking advantage of the technological superiority against these adversaries. The aim of this thesis is to examine the dual function of technology for different purposes: on the one hand, technology as an instrument of terror, i.e., the way the continuous adaptation of terrorist groups across the technological spectrum has altered its configuration, range and modus operandi, as well as the dimension of its acts and violence; on the other hand, technology as an instrument in the fight against terror, i.e., in what ways it can contribute to the success of the Government in all its fronts of action within the framework of a multidisciplinary and multipronged strategy.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/13272
Aparece nas colecções:R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
IEP - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.