Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/13215
Título: Adequação do discurso na consulta de medicina dentária
Autor: Monteiro, Joana Margarida de Almeida
Orientador: Capucho, Filomena
Palavras-chave: Medicina Dentária
Relação médico-paciente
Comunicação em Saúde
Comunicação Verbal
Discurso
Dentistry
Doctor-patient relationship
Health Communication
Verbal Communication
Discourse
Data de Defesa: Set-2012
Resumo: A Comunicação Verbal é uma constante na vida clínica de qualquer Médico Dentista. É através dela que podemos estabelecer uma relação médico-paciente duradoura e eficaz, cultivando a confiança que cada indivíduo deposita em nós, buscando não só cuidados médicos como também aconselhamento profissional. A presente dissertação pretendeu definir os componentes essenciais da Comunicação Verbal, bem como a sua importância na interacção comunicacional em contexto de consulta de Medicina Dentária. Para tal, abordou-se inicialmente o conceito de Comunicação sob uma perspectiva abrangente, antes de enveredar por este seu ramo específico; seguiu-se a apresentação dos resultados obtidos por meio da videogravação de dez consultas na Clínica Dentária Universitária, do Centro Regional das Beiras da Universidade Católica Portuguesa, bem como da aplicação de um pequeno questionário aos pacientes envolvidos. Por fim, discutiram-se esses mesmos resultados e retiraram-se as conclusões possíveis deste estudo em particular. Da análise dos resultados, verificou-se que não existem diferenças globais significativas entre o género e ano curricular frequentado pelos alunos, bem como no que diz respeito à área curricular. As gravações efectuadas permitiram concluir que os alunos recorrem a um registo linguístico correcto (linguagem comum), apesar de ele nem sempre ser adequado ao paciente em causa (utilização de vocabulário técnico indiscriminadamente). Por outro lado, e regra geral, o modelo de Sinclair e Coulthard é respeitado, sendo os alunos responsáveis pela maioria das Iniciações e os pacientes pelas Respostas, sendo partilhados os actos de Negociação e Avaliação entre os intervenientes. Por fim, no que diz respeito aos dados recolhidos por meio dos questionários, pudemos concluir que os pacientes não têm clara consciência dos conceitos envolvidos no processo comunicativo verbal. Embora seja, inegavelmente, uma competência primordial, especialmente na área da Saúde, a Comunicação é uma componente muitas vezes desprezada e considerada secundária. Desta forma, é pertinente a instituição de disciplinas no percurso académico obrigatório que permitam entrar em contacto com os conceitos essenciais da Comunicação, bem como desenvolver as competências comunicacionais dos estudantes
Verbal Communication is a life constant for any clinical dentist. It is through it that we can establish a lasting and effective doctor-patient relationship, growing the confidence each individual has placed in us, not only seeking medical care but also our professional advice. This dissertation sought to define the essential components of Verbal Communication, as well as its importance in the communicative interaction in the context of consultation in Dentistry. To this end, it was initially approached the concept of Communication in a broad perspective, before embarking on this particular branch, followed by the presentation of the results obtained by video recording of ten consultations in the Clínica Dentária Universitária, from the Centro Regional das Beiras – Universidade Católica Portuguesa, as well as the application of a short questionnaire to the patients involved. Finally, the results were discussed, and were withdrew the possible conclusions from this particular study. Analyzing the results, it was found that there are no overall differences between gender and course year attended by the students, and as well as what regards the course area. All students used a correct language record (common language), although it was not always appropriate to the patient in question (use of technical vocabulary indiscriminately). On the other hand, and generally, the Sinclair and Coulthard’s model is respected, being the students responsible for the majority of Initiations and patients by Responses, both sharing the acts of Negotiation and Evaluation. Finally, regarding to the data collected through the questionnaires, we concluded that patients are not fully aware of the mechanisms involved in the verbal communicative process. While it is undeniably a major competence, especially in the Healthcare area, Communication is a component often neglected and considered secondary. Thus, it is pertinent the institution of academic disciplines in the mandatory academic course that allow students to get in touch with the basic concepts of Communication, as well as to develop their communicative skills
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/13215
Aparece nas colecções:R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
DCSV - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Joana Monteiro.pdf2,42 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.