Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/12883
Título: Maternidade na Adolescência - desenvolvimento de competências em contexto de institucionalização
Autor: Braga, Clara
Guerra, Maria João
Quelhas, Isabel
Palavras-chave: Adolescência
Maternidade
Enfermagem
Data: 2011
Citação: BRAGA, Clara [et al.] - Maternidade na Adolescência - desenvolvimento de competências em contexto de institucionalização. In II Fórum do Curso de Mestrado e Enfermagem com Especialização em Enfermagem de Saúde Infantil e Pediátrica, Porto, Portugal, 11 Abril, 2011
Resumo: Introdução: No ano lectivo 2009-2010, o Centro de Enfermagem da Católica iniciou o projecto Tornar-se Mãe, que promove uma prática diferenciada com enfoque no processo de diagnóstico e intervenções ajustadas à aquisição das competências para o exercício do papel maternal e para a aceitação das responsabilidades inerentes tendo como população alvo: Grávidas e Mães em risco social, internas num lar de acolhimento. Objectivos: Divulgar o projecto de intervenção comunitária do CEC; Descrever o desenvolvimento (concepção, execução e avaliação) da intervenção efectuada. Materiais e métodos: Identificadas áreas de intervenção com colaboração da equipa técnica; Desenvolvidas Acções de Educação para a Saúde periódicas; Utilizadas estratégias diversificadas: apresentações multimédia, jogos didáticos, debates, trabalhos de grupo, concursos; assistência do exercício do papel maternal uma vez por semana, treino de alguns procedimentos específicos. Supervisão e orientação dos cuidados prestados pelas jovens aos filhos. Resultados: Foram desenvolvidas 22 sessões, referentes a 20 AES, com uma média de 8,3 jovens por sessão. 9 sessões dirigidas ás necessidades do filho da adolescente;9 sessões dirigidas às necessidades da adolescente; 2 sessões para a promoção da saúde da díade. Todas as sessões foram sujeitas a avaliação e foi notória a aquisição de conhecimentos por parte dos participantes. O impacto das mesmas na aquisição de competências maternais ainda não é possível determinar. Foi desenvolvido um instrumento de registo da monitorização do auto-cuidado higiene. Conclusão: Os EE desenvolveram um conjunto de acções sistematizadas que permitiu às jovens mães consolidarem conhecimentos. O projecto encontra-se em fase de implementação, A adesão e participação dos destinatários e a satisfação do parceiro no projecto, exigem a continuidade da intervenção, cuja monitorização e respectivos resultados permitirão determinar o seu impacto na transição para a maternidade e no desempenho do papel maternal neste contexto.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/12883
Aparece nas colecções:ICS(P) - Comunicações em encontros nacionais / Presentations in national meetings

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Maternidade_adolescencia.pdf2,08 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.