Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/11952
Título: Política sociais europeias para a juventude : o programa Juventude em Acção em Portugal
Autor: Afonso, Cláudia Marisa Dias Ferreira
Orientador: Marques, José Carlos Laranjo
Data de Defesa: 2-Dez-2013
Resumo: Numa Europa que se pretende que seja unida e forte, a cidadania europeia e a participação dos jovens torna-se de importância primordial, pois são os jovens que irão ser os responsáveis do futuro da Europa. É neles que se concentram todas as esperanças da Europa continuar a ser um local onde todos os cidadãos se possam sentir seguros e pertencentes à mesma sociedade. É sobre esse sentimento que, apesar de sermos cidadãos nascidos e criados num país e, como tal, temos uma cidadania, também há que haver o despertar da consciência que somos cidadãos de uma Europa unida e coesa. Em que medida a União Europeia chega aos jovens, sendo a União Europeia constituída por 27 países, diferentes entre si? A União chega aos jovens através de Programas onde os jovens são chamados a participar e a influenciar as políticas que vão sendo feitas. É através destes programas que os jovens manifestam as suas opiniões e que, de certa forma, influenciam o sentido que as políticas para os jovens vão tomando. É o caso do Programa Juventude em Acção, um Programa da Comissão Europeia que visa fomentar o sentido activo de cidadania europeia, o desenvolvimento da tolerância e solidariedade entre os jovens europeus e o seu envolvimento na construção do futuro da Europa. No caso português, procura-se explicar de que forma o Programa Juventude em Acção está a influenciar os jovens, de que forma os jovens estão a tomar consciência acerca do seu sentimento de cidadania europeia e acerca da sua participação social e política. Ainda se pretende apurar de que forma o contacto com as diversas culturas existentes na Europa, faz despertar nos jovens a tolerância para com o outro, e a consciência da multiculturalidade.
In a Europe that is intended to be united and strong, European citizenship and youth participation becomes vital, as are young people who will be responsible for Europe's future. It's that focus on them all hopes of Europe continue to be a place where all citizens can feel safe and belong to the same society. It is this feeling that, despite being citizens born and raised in a country and as such we have a citizenship and there must be the awakening of consciousness that we are citizens of a united and cohesive. To what extent the European Union comes to young people, and the European Union comprising 27 countries, different from each other? The Union reaches young people through programs where young people are invited to participate and influence the policies that are being made. It is through these programs that young people express their opinions and, in some way, influence the direction that policies for young people are taking. This is the case of the Youth in Action, a program of the European Commission to foster a sense of active European citizenship, the development of tolerance and solidarity among young Europeans and their involvement in shaping the future of Europe. In the Portuguese case, seeks to explain how the Youth in Action Programme is to influence the young, how young people are becoming aware about their sense of European citizenship and about their social and political participation. Even if you want to determine how the contact with the various cultures in Europe, is to awaken in young people tolerance for others, and awareness of multiculturalism.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/11952
Aparece nas colecções:R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
DEGS - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação.pdf1,13 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.