Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/10935
Título: Canas de pesca e canivetes suíços para a aprendizagem: duas décadas de experiência no ensino de fisiologia a alunos de medicina
Outros títulos: Fishing rods and swiss knives as learning tools in medical education: a two decades’ experience in physiology teaching
Autor: Costa, Pedro
Amado, Cátia
Oliveira, Marco
Santos, Telmo
Silva, Tiago
Pinto, Patrícia Rosado
Palavras-chave: fisiologia
aprendizagem
estudantes de medicina
simuladores
ferramentas de ensino
physiology
learning
medical students
simulators
teaching tools
Data: 2010
Editora: UCEditora
Citação: COSTA, Pedro [et al.] – Canas de pesca e canivetes suíços para a aprendizagem: duas décadas de experiência no ensino de fisiologia a alunos de medicina = Fishing rods and swiss knives as learning tools in medical education: a two decades’ experience in physiology teaching. Cadernos de Saúde. Lisboa. ISSN 1647-0559. 3:2 (2010) 7-12
Resumo: O presente artigo expressa a reflexão conjunta sobre o ensino da fisiologia, unidade curricular do 2.º ano do Mestrado Integrado em Medicina (MIM); uma reflexão realizada pelos Departamentos de Fisiologia e de Educação Médica da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Universidade Nova de Lisboa. O artigo baseia-se no cruzamento das opções pedagógicas do regente da unidade curricular com as opiniões de alunos do 6.º ano do curso, que também são co-autores do texto. A partir de um enquadramento sobre aprendizagem da medicina nos tempos de hoje e sobre a forma como os jovens adultos aprendem, caracteriza-se o que tem sido o ensino da fisiologia na FCM nas últimas duas décadas. Explicitam-se as razões que levaram à opção por uma abordagem científica apoiada num “laboratório seco” com recurso a simuladores, como forma de fornecer ferramentas cognitivas consideradas úteis para a prossecução do curso e para a futura vida profissional dos estudantes. Os estudantes valorizaram, para além da motivação trazida pela metodologia de ensino, a pertinência e o bom doseamento dos conteúdos e a utilidade do treino sistemático do raciocínio; reconhecem que este é uma ferramenta essencial para o curso em geral e para o exercício da prática clínica.
Abstract - This paper reports a joint reflection on teaching physiology, a discipline of the 2nd year of the Master in Medicine (MIM) in Faculdade de Ciências Médicas (FCM), Universidade Nova de Lisboa. The present reflection was undertaken by the Departments of Physiology and Medical Education of FCM; the paper is based on the concurrence of pedagogical options undertaken by the professor of physiology and the perspectives and opinions of a group of 6th year students, co-authors of the text. The experience of two decades of physiology teaching in FCM is described in a context of learning medicine in the present times and of adult learning theories. The scientific approach of physiology, supported by a “dry laboratory” and the use of simulators is described; the relevance of providing cognitive tools to the students is underlined as an added value for academic and professional success. Students highlighted the motivation for learning enhanced by the teaching approach and methodology, the relevance and balance of the contents and the usefulness of systematic training of reasoning, realizing that it stands as an essential tool to be used in subsequent academic years as well as in clinical practice.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/10935
ISSN: 1647-0559
Aparece nas colecções:RCS - 2010 - Vol. 003 - Nº 02

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
CSaude_3-2_2010(1).pdf149,07 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.