Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/10555
Título: Atitudes e conhecimentos dos enfermeiros na prevenção das úlceras de pressão
Autor: Batista, Margarida Maria Giestas
Orientador: Dixe, Maria dos Anjos
Alves, Paulo
Data de Defesa: Jan-2012
Resumo: Introdução: As úlceras de pressão (UPs) constituem uma das lesões iatrogénicas mais frequentemente reportadas nos países desenvolvidos. São actualmente vistas como um indicador da qualidade dos cuidados e da segurança do doente. (Organização Mundial de Saúde - OMS, 2009) Caracterizadas como feridas de difícil cicatrização, têm associadas importantes co-morbilidades e complicações que as tornam potencialmente fatais. Em consonância, a prevenção constitui um aspecto fulcral do seu controlo no qual os enfermeiros desempenham um importante papel. No entanto a ausência de conhecimentos e atitudes negativas perante as estas lesões podem estar na base de uma prevenção ineficaz e nos elevados números de prevalência e incidência que prevalecem actualmente a nível mundial. Objectivos: O presente estudo tem como objectivos validar para a população portuguesa o Attitude Towards Pressure Ulcers Instrument (APU) e o Pressure Ulcer Knowledge Assessment Tool (PUKAT) e avaliar as atitudes e conhecimentos na prevenção de UPs, de uma amostra de enfermeiros e estudantes de enfermagem. Metodologia: A versão portuguesa do APU e PUKAT foi elaborada com base na equivalência linguística, conceptual e psicométrica da validação original, por meio de um estudo metodológico, numa amostra não probabilística de 155 alunos de enfermagem e 147 enfermeiros. A recolha de dados foi realizada de Janeiro a Junho de 2011. Resultados: A predominância do género feminino (81.1%) foi verificada na amostra. 4.5% dos alunos e 50% dos profissionais apresentavam formação na área. A análise factorial do APU reorganizou 22 itens em 5 factores (importância, responsabilidade, obstáculos/barreira, confiança na eficácia e competências pessoais) que explicam 53,695% da variância total da escala. O coeficiente alfa de Cronbach dos factores variou entre 0,672 e 0,746 sendo o alfa de Cronbach global de 0,847. Uma diferença estatisticamente significativa (p<0,05) com poder descriminante positivo em alguns dos sub-grupos pré-definidos na validação original foi obtido. A confiabilidade teste-reteste realizada com uma semana de intervalo, revelou coeficientes de correlação r=0,883 e de correlação intraclasse factoriais entre 0,601 e 0,630. A generalidade dos inquiridos revelou uma posição positiva na escala de likert. Baixos valores de fidelidade do PUKAT limitaram a sua validação. Obteve-se uma média de 16,6 respostas certas, em 29 do PUKAT, dos enfermeiros e 14,1 dos estudantes.Conclusões: Obteve-se uma versão do APU válida para a amostra utilizada. Foi validado o conteúdo do PUKAT mas não foi possível a sua equivalência psicométrica. Apesar da generalidade dos participantes demonstrar uma atitude desperta para a prevenção das UPs, foi obtido um nível de conhecimentos baixo, revelando importantes lacunas de formação.
Background: Pressure Ulcers are one of the highly reported iatrogenic injuries on developed contries. Actually they are seeen as an indicator of the healthcare quality and patient safety. (OMS, 2009) Featured as hard healing kind of hounds, they’ve got associated major complications and co-morbidities that make them potencially fatal. According to that, prevention is a central part of it’s control, in which nurses play an important role. Howhever, the absence of knowledges and prevalence of negative atitudes towards this hounds can be responsable for an ineffective prevention and for the high levels of prevalence and incidence worldwide these days. Aims and objectives: This study aims are: to validate the Attitude Towards Pressure Ulcers Tool (APU) and Pressure Ulcer Knowledge Assessment Tool (PUKAT) for portuguese population and to mesure atitudes and knowledges on PU’s prevention, on a sample of nurses and nurse students. Methods: The portuguese version of APU and PUKAT is based on psicometric, conceptual and methodological equivalence to the original validation, in a methodological study of a nonprobablistic sample of 155 nurse students and 147 nurses. The data was collected from January to June 2011. Results: The female gender prevails on this sample (81.1%). 4.5% of the students and 50% of professional nurses have reported having qualification in this field. APU’s factorial analysis reorganized 22 items on 5 factors (importance, responsability, obstacules/barriers, trust on personal effectiveness and competence) that explain 53,695% of the total variance of the scale. Cronbach’s alfa coefficient ranged between 0,672 and 0,746 in a 0,847 total. It was acquired a statistically significant diference (p<0,05) with a positive discriminant power in some of the predefined sub-groups. The layability of the test-retest performed with a week intermission showed correlative r coefficients=0,883 and factorial intraclass correlation in between 0,601 and 0.630. The majority of the inquired showed to be in a positive position on Likert’s scale. Low rates on PUKAT’s accurancy have limited it’s validation. It was obtained an average of 16,6 right anwears on 29 possible for nurses and 14,1 on 29 possible for students, on PUKAT. Conclusion: It was found a valid APU version for the used sample. Although the content of PUKAT was validated it was not possible to do it’s psicometric equivalence. In fact, despite most participants demonstrate a positive atitude towards PU’s prevention, data shows merely a low level of knowledge, highlighting important qualificational gaps.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/10555
Aparece nas colecções:R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
ICS(L) - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DissertaþÒo de Mestrado FVT - Margarida Batista.pdf1,44 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.