Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/10443
Título: O jornalismo e a intelligentsia portuguesa nos finais da Monarquia Constitucional
Autor: Sardica, José Miguel
Palavras-chave: Imprensa
Jornalismo
Opinião pública
Intelligentsia
Portugal
Monarquia
Press
Journalism
Public opinion
Monarchy
Data: 2009
Editora: Bond
Citação: SARDICA, José Miguel – O jornalismo e a intelligentsia portuguesa nos finais da Monarquia Constitucional. Comunicação & Cultura. Lisboa. ISSN 1646-4877. 7 (Primavera-Verão 2009) 17-38
Resumo: No Portugal monárquico das últimas décadas do século xix e dos primeiros anos do século xx, a imprensa tornou-se o meio por excelência para a reorganização sociocultural da nação, e os jornalistas os grandes agentes construtores e porta-vozes desse novo país acordado para uma maior consciência e participação cívicas. Perante um espaço público e uma opinião pública em processo de alargamento, o papel exercido pelos jornais na orientação da vida política e do quotidiano tornou-se tópico de redobrada discussão entre a intelligentsia, sobre a utilidade, as virtualidades, os defeitos e os perigos do jornalismo. Este texto procura explorar as cambiantes dessa reflexão, que oscilou entre o entusiasmo e o cepticismo, esclarecendo algumas das esperanças conjunturais e dos estrangulamentos estruturais do Portugal desse tempo.
In the monarchist Portugal of the last decades of the 19th century and the beginning of the 20th century, the press became the major instrument for reshaping the social and cultural structure of the nation. Journalists were therefore promoted to be the major agents and speakers of a new country, in which the general public was called upon to display larger civic awareness and participation levels. While the public sphere and public opinion underwent a broadening process, the role of the press and papers in guiding political and everyday life became a topic of ever-growing discussion among the intelligentsia covering the utility, advantages, failures and dangers of journalism. The purpose of this text is to explore the facets of that reflection, ranging from enthusiasm to scepticism, revealing some of the conjunctural hopes and structural chokepoints of late 19th century Portugal.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/10443
ISSN: 1646-4877
Versão do Editor: http://cc.bond.com.pt/wp-content/uploads/2010/07/07_01_Jose_Miguel_Sardica.pdf
Aparece nas colecções:RCC - 007 - 2009 - Intelectuais e média

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
07_01_Jose_Miguel_Sardica.pdf146,22 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.