Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/10273
Título: D. António de Castro Meireles : subsídios para a compreensão da sua acção pastoral no contexto da I República
Autor: Machado, José Paulo Fernandes de Oliveira
Orientador: Santos, Rogério
Palavras-chave: Laicismo
Ralliement
Boa Imprensa
Esfera Pública
Ensino Religioso
Opinião Pública
Visibilidade
Laicity
Good Press
Public Sphere
Religious Teaching
Public Opinion
Visibility
Data de Defesa: 28-Dez-2012
Resumo: Na esteira da etimologia do termo “universidade”, o qual, na sua raiz linguística, significa compreender melhor o universo, não poderei deixar de referenciar que, no mundo do meu desempenho profissional, a figura António Augusto de Castro Meireles era assaz vezes referenciada como modelar, sentindo-se, todavia, a necessidade de um contributo científico que pudesse tirar o véu do desconhecimento ainda estendido sobre a sua vasta obra, no âmbito da Primeira República. No período histórico em que Meireles exerceu o seu ministério de eclesiástico várias realidades se cruzaram na sua acção: laicidade do Estado, resistência à perda de direitos da Igreja, visibilidade da Igreja pela participação política e presença nos media, defesa dos valores cristãos no ensino particular, participação democrática da Igreja na esfera pública. Em Meireles veremos a dificuldade de se encontrar uma fronteira delimitadora entre o político e o eclesiástico. Campos porosos, poderíamos afirmar, suscitadores da sempre actual questão: até onde poderá ir a intervenção da Igreja na esfera pública? Meireles, após a investigação desenvolvida na dissertação em apreço, afigura-se como um caso de estudo paradigmático na arte de tingir a esfera social com os matizes do cristianismo, um perito na comunicação herdada de Leão de XIII, denominada de ralliement.
Following the etymology of the word “University”, which in its linguistic root means a better understanding of the Universe, I have to point out, that in my professional career, the figure of António Augusto de Castro Meireles was often taken as a model, feeling however the need of a scientific contribution that could reveal what is still unknown about his vast work, during the First Republic. In the historical Period in which Meireles operated his Ecclesiastic ministry many realities crisscrossed his action: the laicity of the State, the Church’s resistance to loss of its rights, the visibility of the Church in the political sphere and its presence in the media, the defence of the christian values in the private school, the democratic role of the Church in the public sphere. In Meireles we will see the difficulty of finding a frontier between the political and the ecclesiastic. We could say that these touching realities bring up the same actual question: how far can the church intervene in the public sphere? Meireles, in the research develloped in this work, comes out as a paradigmatic key study in the art of tainting the social sphere with the hues of Christyanity, an expert in comunication inherited from Leon XIII, called ralliement.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/10273
Aparece nas colecções:R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
FCH - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese José Paulo Machado 132210015 - Versão Final.pdf14,7 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.