Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.14/10206
Título: O porquê e o para quê do microcrédito : o caso do Projeto de Capital de Risco Solidário em S. Tomé e Príncipe
Autor: Veiga, Ana Raquel Ferreira e
Orientador: Mendes, Américo Carvalho
Ribeiro, Marta
Palavras-chave: Pobreza
Microcrédito
São Tomé e Príncipe
Data de Defesa: 12-Mai-2012
Resumo: O objetivo deste estudo é explorar quais as razões que levaram ao surgimento do microcrédito e qual o impacto desta estratégia na vida das pessoas que a ela recorrem. Procura-se ilustrar empiricamente a investigação através de um projeto de microcrédito embrionário – O Projeto de Capital de Risco Solidário em São Tomé e Príncipe. Para atingir estes objetivos e de forma a adquirir um enquadramento económico que facilite a compreensão do surgimento do microcrédito, recorrese à exploração de diversos conceitos, tais como pobreza, informação assimétrica e problemas de agência nos mercados de crédito. Conclui-se que o microcrédito é eficaz na resolução dos problemas de informação imperfeita que levam a que o mercado de crédito tradicional exclua as pessoas em situação de pobreza. A resposta à pergunta “microcrédito: para quê?” baseia-se numa análise socioeconómica dos impactos de um conjunto de projetos aqui revistos, destacando-se a importância do Capital Social no seu funcionamento. Concluise que a participação em programas de microcrédito pode contribuir para a redução da pobreza das famílias, enquanto fenómeno multidimensional. O caso de estudo desta investigação permitiu transpor as questões anteriormente abordadas para a realidade Santomense e para os resultados do projeto. Os métodos utilizados para a realização do trabalho no terreno consistiram na observação participante, entrevista e recurso a interlocutores privilegiados. A experiência de campo indicia que a existência de microcrédito em São Tomé e Príncipe pode ser pertinente tendo em conta as falhas no mercado de crédito formal aí existentes e graças aos possíveis impactos positivos gerados pelo microcrédito.
URI: http://hdl.handle.net/10400.14/10206
Aparece nas colecções:R - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations
FEG - Dissertações de Mestrado / Master Dissertations

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação de Mestrado 2012 - O porquê e o para quê do microcrédito - Ana Raquel Veiga.pdf708,69 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.